Acidentes com quebra de postes marcam os primeiros dias da folia no Maranhão

Av. Tarquino Lopes/Rua Grande no Centro de Pinheiro

Sete acidentes com quebra de postes foram registradas pela a Cemar entre a sexta-feira, 9 e sábado, 10.

O primeiro acidente, provocado por um condutor de uma Hilux, aconteceu na sexta-feira, 9 por volta das 4h
na MA-006, estrada entre Pinheiro e Pedro do Rosário, interrompendo fornecimento de energia elétrica para os municípios de Pedro do Rosário e parcialmente a Pinheiro.

Ainda na sexta-feira, 9 às 11h na MA-106, estrada entre Pinheiro e Povoado Três Marias, na zona rural de PeriMirim/Palmeirândia, o condutor de outro veículo quebrou um poste, interrompendo fornecimento de energia elétrica para os municípios de Peri Mirim, Palmeirandia e zona rural de Pinheiro.

Na manhã deste sábado, 10 por volta da 6h o condutor de outro veiculo bateu em.um poste na Av. Tarquino Lopes/Rua Grande no Centro de Pinheiro, interrompendo o fornecimento da energia parcialmente para a área comercial, inclusive uma agência da Caixa Econômica Federal.

Já na Ilha de São Luís até a tarde deste sábado, 10 a Cemar registrou dois outros acidentes envolvendo quebra de postes. Um no Retorno da Forquilha por um condutor e veículo não identificado e outro no Araçagy, provocado pelo condutor de um ônibus escolar com placa do município de Matões do Norte.

Na manhã deste sábado, 10 em Pastos Bons um condutor de um veículo não identificado, derrubou um poste no Centro da cidade.

Outra ocorrência grave aconteceu no início da tarde deste sábado, 10 no município de Pio XII. Segundo informações de populares, o condutor de um veículo pedeu o controle e colidiu com um poste na BR 316 entre os municípios de Santa Inês e Bacabal.

Segundo a Cemar, esses acidentes trazem transtornos pra muita gente: ocupantes, familiares dos ocupantes e para as pessoas que ficam sem energia elétrica.

Equipes de plantão da Cemar foram mobilizadas para substituir os postes danificados nos acidentes e a energia elétrica já foi restabelecida.

Os proprietários dos veículos serão responsabilizados pelos danos causados à rede de distribuição de energia elétrica.

Comente