capacitação

Mirinzal – Prefeitura realiza treinamento de teste para agilizar diagnóstico de Leishmaniose Canina

Aspectos gerais, dados epidemiológicos e controle de qualidade dos testes, são abordados durante o treinamento para realização de Teste...

Aspectos gerais, dados epidemiológicos e controle de qualidade dos testes, são abordados durante o treinamento para realização de Teste Rápido – um novo método de diagnóstico da Leishmaniose Visceral Canina (LVC), mais conhecida por Calazar. A ação coordenada pela vigilância em Saúde de Mirinzal através da vigilância sanitária.

O treinamento é destinado a profissionais que atuam nos laboratórios e nos serviços de Vigilância Epidemiológica do município. O treinamento é ministrado por técnicos  responsáveis por capacitar, realizar o controle de qualidade dos testes rápidos, fazer as supervisões e realizar os testes de ELISA para confirmar o diagnóstico. O treinamento tem o objetivo de melhorar a qualidade diagnóstica do calazar.

Em torno de 15 minutos se tem o resultado se negativo ou não reagente – que indica se o cão não tem naquele momento anticorpos para Leishmania. Caso o teste confirme o reagente é preciso fazer um segundo exame para confirmar o resultado. O principal benefício do teste rápido é promoção de ações para o controle da doença.

Doença

O calazar é uma doença causada pelo protozoário tripanossomatídeo Leishmania chagasi. É transmitida por vetores da espécie Lutzomia longipalpis ou cruzi – mosquitos de tamanho diminuto e de cor clara, que vivem em ambientes escuros, úmidos e com acúmulo de lixo orgânico.

Os animais com calazar apresentam sinais como emagrecimento, perda de pelos, lesões na pele e, na fase final da doença, crescimento desordenado das unhas. Já no ser humano, os principais sintomas da doença são manchas no corpo, febre, anemia, palidez acentuada e inchaço abdominal.

 

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados