Josimar Maranhãozinho e a presidente do PR Mulher Detinha cumprem agenda em Santa inês

No último sábado (17), o deputado estadual Josimar Maranhãozinho e a presidente do PR Mulher Detinha estiveram no município de Santa Inês, onde cumpriram agenda de compromissos. O casal teve o apoio do vereador do PR do município Sargento Oliveira que se destaca como uma forte liderança na região. também estavam acompanhado o casal o prefeito Roberto do Posto de Governador Newton Bello e Almeida de Igarapé do Meio.

O primeiro compromisso foi com o presidente de associação de bairro, sindicato e lideranças comunitárias. Na oportunidade o casal ouviu as demandas dos moradores.

Detinha e Maranhãozinho estiveram ainda com representantes do esporte no município, onde projetos foram apresentados ao casal visando o fortalecimento do setor e seu melhor desempenho.

O desportista Jelton destacou a importância do esporte como projeto social. “Queremos alguém para nos ajudar nesse projeto social, esse sonho é para fortalecer a juventude, o nosso esporte. Pesquisei sobre a vida do deputado Josimar, vi sua trajetória politica e sei que ele não vai nos envergonhar como muitos fizeram.” 

O casal esteve ainda na Igreja Batista El Shamah conversando com lideranças evangélicas de várias denominações. Sempre acompanhado todos os dias por várias lideranças o casal visitou o renomado médico Dr. Tomaz Martins onde a “Dobradinha” foi recepcionada por familiares e amigos do médico em um almoço em sua residência.

O ultimo compromisso foi com o prefeito de Igarapé do Meio Almeida, o gestor estava acompanhado de várias lideranças politicas que abraçaram o projeto da pré-candidatura de Josimar Maranhãozinho para deputado federal e de Detinha para deputada estadual.

Prefeitura de São Bento realizou a 2ª Conferência Municipal de Educação

A Prefeitura de São Bento, através da Secretaria Municipal de Educação realizou a 2ª Conferência Municipal de Educação 2018, nesta sexta-feira(16).

O evento foi voltado à sociedade civil e a educadores, com a proposta de debater políticas públicas educacionais.

Nesta conferência, a gente determina tudo que se quer dentro dos eixos para a melhoria da Educação” garantiu Cita Moniz, secretária de Educação.

Segundo o vereador, Henrique Vale, eventos como esse, engrandecem o município de São Bento. “Ao final teremos metas que serão trabalhas, sempre buscando uma educação melhor para os munícipes”, garantiu o vereador.

“Apesar de todas a dificuldades, nós estamos realizando a conferência com todo apoio do prefeito municipal, Luizinho Barros”. Finalizou a secretária. Cita Moniz

Governo constrói a primeira escola quilombola em Guimarães

Governo constrói a primeira escola quilombola em Guimarães

A comunidade quilombola Damásio, no município de Guimarães, comemora os investimentos do Governo do Estado na construção da primeira escola de Ensino Médio que vai beneficiar os jovens com uma estrutura ampla e moderna, proporcionando uma educação de qualidade.

Com o investimento de R$ 1.057.916,20, o prédio foi construído em uma área de 867m², dividido em três blocos. O bloco pedagógico possui quatro salas, laboratório de informática e biblioteca. Já o bloco administrativo conta com diretoria, almoxarifado, secretaria, sala de professores e sala de arquivo. E o bloco de serviço com cozinha, dispensa, área de serviço e banheiros feminino e masculino com acessibilidade.

O pátio central atende como espaço de recreação para os alunos. Também foi feita a instalação de sistema de combate a incêndio e passarela coberta com acesso aos blocos. A escola vai atender a comunidade do Quilombo Damásio e outros 10 povoados. Cerca de 160 alunos serão beneficiados. Dona Amélia mora no quilombo desde 1947 e conta que durante todos esses anos, o povoado nunca recebeu uma escola desse porte.

“Nunca teve uma escola desse modelo. Eu espero dessa escola uma nova vida. Não serve para mim, mas serve para os meus netos e bisnetos que venham chegar. E eu desejo que meus netos sejam um doutor ou que vão trabalhar na Marinha. Eu desejo só coisas altas, eu não sei se eles vão realizar esses sonhos, mas a esperança é essa”, compartilhou Amélia Martins.

A rotina das famílias também vai mudar. Por muitas vezes os alunos iam sem almoçar e, se o transporte atrasava, eles acabavam encontrando a escola com os portões fechados e perdiam o horário de aula. Como explica o líder da comunidade, Walmir Goulart. “Essa escola é importante porque os alunos se deslocam do seu povoado para a sede com a dificuldade de transporte. Cada família dessa paga uma mensalidade para que o seu filho chegue até a escola na cidade de Guimarães”, explicou.

Agora, com a nova escola, dentro da comunidade de Damásio, a vida das famílias muda para melhor. “Com a escola dentro de Damásio, se torna mais fácil para que o aluno tenha um aprendizado melhor e os pais terão condição melhor de acompanhar os seus filhos. A comunidade de Damásio desde já agradece ao governador Flávio Dino por todo esse esforço que ele está fazendo para que essa escola seja concluída nessa comunidade, sabendo a dificuldade do estado e do país”, afirmou Walmir Goulart.

Para o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, as escolas quilombolas se constituem como exemplo da forma de trabalhar do governo Flávio Dino. “Com sensibilidade social, fazendo os investimentos, sobretudo para os que mais precisam como esta comunidade que é atendida com a construção de uma unidade escolar, desta maneira nós contribuímos para o combate à injustiça social que ao longo de décadas foi se sedimentando em nosso estado. Também estamos promovendo desenvolvimento econômico e social em todas as regiões, o que tem sido o vetor principal da gestão do governador Flávio Dino, o duplo vértice, os investimentos em educação e produção”, observou o secretário Clayton Noleto.

A obra está em fase de conclusão, com 95% dos trabalhos já realizados, faltando apenas limpeza, complemento de pinturas e ajustes de portas e basculantes. A previsão de entrega para a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) é março deste ano, quando será mobiliada e preparada para a inauguração.

Com o novo prédio mais de 160 alunos serão atendidos na comunidade

Quilombos no Maranhão

O Maranhão possui a terceira maior população negra entre os Estados brasileiros, mas por muitos anos as comunidades quilombolas sofreram com a falta de investimentos de políticas públicas, principalmente na área de educação.

A Baixada Maranhense é hoje uma das regiões do Maranhão com maior número de comunidades remanescentes de quilombo, pois na segunda metade do século XIX essa área concentrou a base de consolidação de muitos povoados quilombolas.

A gestão do governador Flávio Dino vem propondo planejamentos e estratégias de execução de políticas públicas direcionadas para a população negra, com o compromisso de promover a igualdade racial e a valorização da identidade e dos direitos dessas comunidades.

Morador mostra o descaso do prefeito de Pinheiro com o bairro João Castelo; veja o vídeo

Moradores de diversos bairros da cidade de Pinheiro na Baixada Maranhense vêm sofrendo com a precariedade no acesso às ruas devido a falta de saneamento básico. Após as chuvas que caíram nos últimos dias, leitores do blog do Vandoval Rodrigues registraram a situação de ruas alagadas e intransitáveis, como é o caso da rua José Bonifácio no Bairro do João Castelo.

Nas imagens de um vídeo enviado ao blog pelo morador, Emerson,  é possível ver uma lâmina de água que se formou no local, dificultando o tráfego de pedestres e veículos. Um verdadeiro descaso do prefeito da cidade com os moradores do bairro João Castelo.

“Carnaval Gigante de todos nós” se consagra como o melhor da história de São Bento

Cinco dias de pura diversão, foliões puderam brincar com segurança total.

Mistura de cores, alegria e muita música com artistas locais e nacionais, durante os cinco dias e noites de festa, o clima de paz e tranquilidade foi registrado em todo o circuito carnavalesco, umas das prioridades do prefeito Luizinho Barros neste carnaval foi investir forte na segurança: 14 Policiais Militares, 1 equipe do GOE de Pinheiro, 35 Guardas Municipais e 40 Agentes de Segurança trabalharam por dia. (os guardas estavam equipados com coletes reflexivos, capas de chuva e rádio HT.

Com segurança e infraestrutura, milhares de pessoas de todas as classes e idades lotaram as Praças Carlos Reis e Praça de Eventos. Os espaços contaram com diferentes atrações e uma diversidade de estilos musicais que contagiou o público geral.

A Banda Chiclete com Banana foi destaque na abertura e arrastou milhares de foliões para a Praça de Eventos na primeira noite de carnaval. O novo vocalista da banda (Khill, ex-patchanka) levou o público ao delírio ao cantar os sucessos dos veteranos Chiclete com Banana.

O segundo dia de festa foi animado pela atração nacional Chicabana, com um repertório diversificado, Chicabana contagiou a multidão. Músicas da Banda e também da atualidade, como “Vai malandra”, “Apelido Carinhoso” e “Que tiro foi esse” agradaram o público.

Domingo foi a vez do cantor maranhense que já é ícone do nosso carnaval, Bruno Shinoda botou pra quebrar em cima do palco, uma multidão de foliões, que pareciam nunca se cansar. Um repertório “pra tirar o pé do chão”, contagiou a galera com muito ritmo e fazendo a alegria da moçada. A chuva foi apenas um complemento para que os brincantes dançassem e cantassem eufóricos, grandes sucessos da atualidade ao lado do cantor.

O último dia de festa começou na praça Carlos Reis com destaque para a Banda Brasas do Forró, logo em seguida a programação continuou na praça de eventos, com a Banda Chegadões, na sequência entrou  umas das atrações mais aguardadas por todos, o fenômeno Junior Vianna que chamou a responsabilidade e sacudiu os foliões que lotaram a praça de eventos, na sequência entrou Banda Astral para fechar o carnaval com chave de ouro.

Enquanto uns se divertiam outros trabalhavam. A maioria dos produtos vendidos eram alimentos, bebidas e adereços, o que garantiu uma renda extra para vendedores ambulantes durante os dias de folia.
O “Carnaval Gigante” terminou e já deixou saudades. A festividade oportunizou geração de emprego e renda, desde ocupação de hotéis, restaurantes, a produtos comercializados por vendedores ambulantes e comerciantes locais.
Foram cinco dias de pura diversão que fizeram a alegria dos sambentuenses como a muito tempo não se via. Uma festa promovida pela Prefeitura de São Bento através da Secretaria Municipal de Cultura.

Bequimão realiza II Conferência Municipal de Educação

O fortalecimento da educação do município de Bequimão, localizado no Litoral Ocidental Maranhense, foi à base da II Conferência Municipal de Educação realizada nos nesta quinta (15) e sexta-feira (16) na Escola Municipal Domingos Bouéres.

Com o tema ‘Realidade e Desafios na Garantia de Direitos’, a conferência contou com a participação do Executivo Municipal, Câmara de Vereadores, representantes do Ministério Público do Maranhão, sociedade civil organizada, professores, pais e alunos.

No primeiro dia, o evento começou com a leitura do regimento da conferência e a palestra magna, ministrada pelo secretário de Educação do Município, Aristides França. O segundo dia foi voltado para discussão das metas e estratégias, e avaliação do Plano Municipal de Educação (PME), implantado em 2015.

Segundo o secretário Aristides França, o debater o plano melhora a política de educação do município. “Estamos na fase da avaliação dos três anos de implantação do projeto. Nesses dias, monitoramos os avanços e os pontos não alcançados, e conseguimos traçar uma nova estratégia para melhorar ainda mais a educação na cidade”, destacou o secretário.

A coordenadora do PME, Rosenilce Pereira, destacou durante o evento a importância da partição de todas as entidades na elaboração e avaliação do projeto. “O PME rege o norte da educação no município em todas as esferas desde a elaboração pedagógica à gestão dos recursos financeiros. Os debates são fundamentais para direcionarmos o plano de educação da melhor forma possível”.

De acordo com o vice-prefeito de Bequimão, Magal, a educação apresentou inúmeros avanços desde a implantação do PME em 2015. “Nos últimos anos houve a extinção das salas multiseriadas nas escolas. Conseguimos implantar o transporte escolar, melhorar a qualidade da merenda escolar e reduzimos o índice de evasão no município. Esses avanços fizeram com que a cidade subisse posições no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), pontuando a frente dos municípios da Baixada Maranhense”, relatou.

Após a aprovação da nova redação feita pela plenária, o Plano Municipal de Educação foi encaminhado para Câmara Municipal e será apreciado pelos vereadores. Segundo o vereador Professor Zeca, a tramitação do plano na casa legislativa será rápida, porque os parlamentares participaram das discussões na Conferência Municipal de Educação. Depois de aprovar a redação final do texto, a Câmara vai enviar o PME para sanção do prefeito Zé Martins.

Para o prefeito Zé Martins, o momento é de avaliar o que tem sido feito e planejar os próximos anos para a Educação de Bequimão. “Temos trabalhado bastante para melhorar a qualidade da educação de nossas crianças em Bequimão. Para se ter uma idéia, nosso IDEB é superior ao de municípios que eram referências no Estado. Temos investido fortemente na educação e os resultados são bons, mas queremos melhorar ainda mais”, destacou o prefeito.

“Está tudo como dantes no quartel de Abrantes” R$ 1.5 milhão com carnaval e R$ “0” de investimento na Saúde de Pinheiro

Saúde, Educação, Mobilidade e  Saneamento estão longe de ser prioridade na gestão do prefeito Luciano Genésio, que tem como carro chefe de sua gestão, festas temporárias.

Passada a euforia do carnaval “Está tudo como dantes no quartel de Abrantes” e sofrimento da  população continua e cenas lamentáveis são presenciadas no hospital municipal Antenor Abre.

O prefeito da cidade que gastou Um Milhão e Meio , em 5 dias de carnaval (Veja Aqui), deixa pacientes sem leitos e são internados até corredor do hospital.  A falta de investimento na saúde culminou na superlotação do Antenor Abreu.

As imagens são do repórter Kelson Vinicius da Nova Difusora Pinheiro.

Prefeita Valéria Castro se reúne com produtores na próxima terça-feira para tratar sobre o PAA

A prefeita de Presidente Sarney, Valéria Castro,  e o Secretário Municipal de Agricultura, Gilson Lima,  estarão reunidos na próxima terça-feira (20) com produtores da agricultura familiar que participam do  Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) no município. Tanto a prefeita como o secretário querem conversar pessoalmente com cada produtor, saber de suas demandas e ideias para melhorar o modelo de gestão do PAA.

Segundo a prefeita, esse será o primeiro de uma série de encontros que serão realizados com os produtores do município.“É necessário estarmos em contato permanente com  cada fornecedor, com  os presidentes das associações e com os produtores que irão fornecer os alimentos. Queremos ouvir  as suas demandas, suas opiniões e compartilhamos algumas ideias. Então, passaremos para eles as propostas do novo modelo de gestão desse programa que atende o nosso município”, explicou a prefeita.

Criado em 2003, o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) é uma ação do Governo Federal para colaborar com o enfrentamento da fome e da pobreza no Brasil e, ao mesmo tempo, fortalecer a agricultura familiar. Para isso, o programa utiliza mecanismos de comercialização que favorecem a aquisição direta de produtos de agricultores familiares ou de suas organizações, estimulando os processos de agregação de valor à produção.

O PAA também contribui para a constituição de estoques públicos de alimentos produzidos por agricultores familiares e para a formação de estoques pelas organizações da agricultura familiar. Além disso, o Programa promove o abastecimento alimentar por meio de compras governamentais de alimentos; fortalece circuitos locais e regionais e redes de comercialização; valoriza a biodiversidade e a produção orgânica e agro ecológica de alimentos; incentiva hábitos alimentares saudáveis e estimula o cooperativismo e o associativismo.

Presidente Sarney realiza a 2ª Conferência Municipal de Educação

A rede pública de ensino do município de Presidente Sarney encerrou nesta sexta-feira (16) a 2ª Conferência Municipal de Educação realizada pela Prefeitura,  por meio da Secretaria Municipal de Educação.

A conferencia teve como tema o Plano Municipal de Educação, Execução, Monitoramento e Avaliação de Metas, teve a sua abertura na tarde de quinta-feira 15. A longo desses dois dias foram discutidos assuntos temáticos sobre a melhoria da qualidade do ensino oferecido aos sarneyenses. No final, as melhores propostas foram votadas e eleitos os delegados para representar o município na Conferência Estadual.

O Secretário Municipal de Educação, professor Euclides, falou sobre o evento, que reuniu profissionais do magistério, pais e alunos, além de  membros da sociedade civil, para discutir o ensino público. “A realização da conferência é uma exigência da lei para garantir a participação popular na construção do projeto educacional, partindo da base, da experiência de cada município do país e nesse ano estamos discutindo o Plano Municipal de Educação, Execução, Monitoramento e Avaliação de Metas” disse o Secretário.

Para a prefeita Valéria Castro, a gestão pública é resultado do trabalho e do empenho de cada servidor que participa dasdiscussões nesse espaço democrático, que é a Conferência,  onde a sociedade civil pode dialogar sobre como melhorar a qualidade da educação municipal, além de avaliar a execução e acompanhar o monitoramento das ações do Plano Municipal de Educação.

“É importante alinharmos nossa realidade com o planejamento de ações para os anos que virão. Estamos construindo uma Educação de qualidade, onde a participação de todos é muito importante. A Conferência é o momento de debater as políticas públicas para área e garantir que as metas descritas no Plano estejam sendo executadas. A participação de todos contribui para somar, tanto em experiência, quanto em força de agir”, disse a prefeita.

 

Reclamação do empresário Geraldo Júnior junto ao gerente do BB de Pinheiro surtiu efeito e caixas ficaram abastecidos durante o carnaval

A agência do Banco do Brasil de Pinheiro, ficou fechada durante o período carnavalesco, mas os caixas eletrônicos funcionam normalmente e puderam ser usados pela população para saques, transferências e pagamento de contas.

Uma das principais reclamações dos correntistas, era a falta de dinheiro  nos caixas durante os fins de semana e datas comemorativas como natal, réveillon, carnaval e outros.

Empresário Geraldo Júnior

No mês de dezembro de   2017, o pinheirense, Geraldo Júnior, reclamou junto ao gerente da agência de Pinheiro, Luis Alberto, a falta de dinheiro nos caixas eletrônicos (reveja aqui).

Durante o diálogo, o gerente da instituição bancária, garantiu que estava trabalhando para resolver a situação que causava constrangimento a milhares de correntistas.

A reclamação do empresário pinheirense, surtiu efeito e o resultado pode ser percebido durante os cinco dias de momo. Correntistas locais e  milhares de turistas que estiveram na cidade de Pinheiro, demonstraram-se satisfeitos com a agência.