Logo
  • Alunos e docentes de Engenharia de Pesca do Campus de Pinheiro realizam aula prática em Cururupu.

    UfmaAlunos e professores do Curso de Engenharia de Pesca do Campus de Pinheiro realizaram, nos dias 8 e 9 de abril, uma aula prática na cidade de Cururupu. A atividade teve como objetivo elucidar aspectos inerentes à atividade pesqueira em âmbito local. Durante a atividade de campo, os alunos e professores aplicaram questionários no mercado da cidade, visitaram a colônia de pescadores local e as ilhas de Caçacueira e Camaleão, com a finalidade de conhecer a realidade da atividade pesqueira da região.

    No intuito de consolidar o aprendizado e solidificar o conteúdo, aliando teoria e prática, os alunos de Engenharia de Pesca tiveram a possibilidade de ter contato com o maior número de organismos diferentes, a fim de reconhecer nos indivíduos as estruturas estudadas em sala de aula. Para o professor de Engenharia de Pesca, André Guimarães, a aula prática desenvolvida em Cururupu teve grande relevância para a formação dos futuros engenheiros de pesca.

    “O curso de Engenharia de Pesca chegou à Baixada Maranhense em novembro de 2015, e, no fim do primeiro semestre letivo, já conseguimos viabilizar a aula prática no município de Cururupu, um dos principais produtores de pescado e detentor da maior frota pesqueira do estado”, disse.

    Em sua visão, a aula de campo foi de extrema importância para os alunos, pois se alinha com a meta de formar profissionais que têm como foco alavancar a produção de pescados seguindo os princípios da sustentabilidade. “Nada mais oportuno que os alunos conhecerem, a partir do início do curso, diversos ecossistemas aquáticos, o mercado de pescados do município e a colônia de pescadores, além de usufruírem de um pedacinho do paraíso, protegido e intocado por ações antrópicas, como é o caso da belíssima ilha de Caçacueira”, completou o professor.

    Para o aluno Haelinton Setubal, a aula prática na cidade de Cururupu foi “um momento de aprendizagem, em que se pôde aplicar todo o conhecimento adquirido durante o período e reforçar de forma prática e interativa junto com os professores”, em suas palavras

    Segundo o estudante Cássio Monteiro, a aula prática possibilitou conhecer a realidade da região. “Vimos a realidade da pesca na Cidade de Cururupu e pretendemos mudar a cultura pesqueira do Maranhão como engenheiros de pesca, aplicando nosso conhecimento e fortalecendo a economia e a produção de pescado em nível regional”, disse o discente.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!