Logo
  • Artista pinheirense que foi caloteado emite carta de repúdio ao prefeito de Pinheiro e secretaria de Cultura do Município.

    O Artista Pinheirense Elizeu Cardoso, assim como dezenas, foi caloteado pelo prefeito da cidade de Pinheiro. Luciano Genésio, e a empresa “IMPÉRIO SHOWS EVENTOS” deram sumiço em quase meio milhão de reais, e não pagaram artistas e brincadeiras que fizeram parte das atração  dos festejos juninos de Pinheiro.

    Diante da vergonhosa situação e várias tentativas sem êxito de receber pela apresentação, o artista emitiu um carta de repúdio ao prefeito da cidade de Pinheiro,Luciano Genésio  e a secretaria de Cultura que tem  a frente Rodrigo Brasil, filho do saudoso Tuzinho ex-vereador de Pinheiro. Abaixo a carta.

    CARTA DE REPÚDIO AO PREFEITO DE PINHEIRO E SUA SECRETARIA DE “CULTURA”.

    Nunca em toda minha carreira havia prestado qualquer tipo de serviço artístico para a prefeitura de Pinheiro por não acreditar nas políticas culturais desenvolvidas até então. Todos os meus livros, cds, shows, clipes, etc, sempre foram feito com patrocínio de empresas privadas ou recursos próprios.

    Este ano, devido ao convite do coletivo “Vozes da Terra” o qual reunia vários artistas da cidade para o show de encerramento do São João no Parque do Povão, aceitei e para lá me desloquei. O espetáculo foi tão bem recebimento pelo público e sociedade em geral, que recebeu a Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Pinheiro.

    Mas e o pagamento? 3 meses de atraso!!! Após várias datas marcadas e remarcadas. Lamentável (mas não surpreso) que uma cidade com mais de um século ainda tenha completo desrespeito por seus artistas, em todas as gestões.

    Contrapondo-se aos shows megalomaníacos, onde artistas de fora são contratados por valores estratosféricos e partam sorridentes, sem ter deixado nada em nossa cidade, a não ser o discurso fadado de crise para pagar quem é daqui e eleva o nome da cidade.

    Os políticos passarão, os artistas não.

    Envergonhadamente,
    Elizeu Cardoso.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!