Logo
  • Assaltante da Lotérica de Guimarães escondeu R$ 1.500,00 no “Ânus”

    Anderson do lado direito tatuado escondeu R$ 1.500,00 no Anus
    Foram
    presos Hélio Alcântara de Sousa, 32 anos, natural de São Luís; Anderson
    Cardoso, 36 anos, natural de Santa Inês; Patrícia Fonseca, 22 anos, natural de
    São Luís; e Regivany Amorin Ribeiro, 23 anos, natural de Guimarães. O quinto
    integrante do bando identificado como Márcio de Jesus Rodrigues Soares, 32
    anos, conhecido “Marcinho”, continua foragido.
    De
    acordo com informações policiais, o bando saiu de São Luís em um veículo S10,
    de cor prata, com placa NHR 5267 – São Luís rumo à cidade de Pinheiro, onde
    pegaram Anderson e seguiram à cidade de Guimarães. Ao chegar ao destino,
    “Marcinho” e Anderson tomaram uma motocicleta Honda Fan CG sem placas de
    assalto no centro. Com o veículo, a dupla se dirigiu a casa Lotérica e
    subtraíram a quantia de R$ 29 mil do caixa. Nenhum objeto dos clientes foi
    subtraído. A dupla empreendeu fuga utilizando a motocicleta, enquanto a S10
    dava cobertura para os criminosos.
    A
    polícia foi acionada e os integrantes da quadrilha que estavam no carro foram
    abordados na MA 306, cerca de 5 KM da cidade de Guimarães. A dupla que fugiu na
    motocicleta empreendeu fuga pelo mato no povoado Capitiua. Marcinho e Anderson
    dispararam contra os policiais. Na ação Anderson foi atingido na região da
    coxa. Ele foi encaminhado para o Hospital Antenor Abreu, no hospital os
    enfermeiros encontraram 1.500,00 (Mil e quinhentos reais) nos “Ânus” do
    assaltante, o mesmo já se encontra a disposição da justiça na regional de
    Pinheiro.
    Equipes
    das Polícias Civil e Militar continuam em diligências a fim de localizar
    “Marcinho”. Hélio, Patrícia e Regivany foram encaminhados à Delegacia de
    Guimarães e foram autuados em flagrante delito pelo delegado Jorge Antônio
    Silva Santos, pelos crimes de roubo e formação de quadrilha. Eles permanecem
    detidos na 5ª Delegacia Regional, em Pinheiro, à disposição da Justiça.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!