Logo
  • Baixada Maranhense: Diretor da Codevasf visita área para Implantação de perímetro irrigado no Maranhão

    Claudio Azevedo com os Diretores da Codevasf

    O Diretor da
    Área de Desenvolvimento Integrado e Infraestrutura da Companhia de
    Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Guilherme
    Almeida Gonçalves de Oliveira, vem a São Luís (MA) nesta segunda-feira (10/06)
    para tratar de assuntos relacionados ao Programa Mais Irrigação e aos Diques da
    Baixada Maranhense. Na ocasião, ele se reúne com o superintendente da Codevasf
    no estado, João Batista Martins, e com o secretário de Agricultura, Pecuária e
    Abastecimento do Maranhão (Sagrima), Cláudio Azevedo.
    Superintendente João Batista Martins
    Logo pela
    manhã a equipe faz um sobrevoo na região da baixada maranhense a fim de
    identificar e de definir uma área para elaboração do projeto de viabilidade
    para implantação de um perímetro irrigado. O recurso para tanto provirá do
    Programa Mais Irrigação, lançado no último mês de novembro pela presidente
    Dilma Rousseff para investir em projetos de recuperação de áreas irrigadas e no
    aumento da produtividade agrícola, cuja coordenação está a cargo do Ministério
    da Integração Nacional. Para o Maranhão estão previstos recursos da ordem de R$
    1.750.000,00 para elaboração de estudos e projetos de potenciais perímetros
    irrigados na região da baixada maranhense.
    Em seguida, haverá uma reunião para que seja reavaliado tanto o cronograma de execução do projeto quanto o
    de implantação do Programa de
    Recuperação Ambiental e Preservação dos Mananciais de Água Doce da Baixada
    Ocidental Maranhense, projeto conhecido como Diques da Baixada. Em linhas
    gerais, esse projeto consiste na construção de um sistema de diques de
    contenção e de estruturas vertentes na região da Baixada Ocidental Maranhense,
    buscando, assim, evitar a inundação dos campos com água do mar e perenizando
    por mais tempo a água doce. 
      
    De acordo
    com o superintendente da Codevasf no Maranhão, João Martins, o Projeto Diques
    da Baixada Maranhense, cujas obras serão licitadas nos próximos meses,
    beneficiará uma área que engloba cerca de 9% da população do estado. “Por essa
    razão o Projeto é importante, porque evita a entrada de água salgada nos
    campos, além de permitir o acúmulo de água por mais três meses para a prática
    de diversas atividades produtivas, como, por exemplo, a piscicultura e a
    fruticultura”, comenta o superintendente.

     

    Campos da Baixada

    A obra
    beneficiará os municípios de Viana, Matinha, São João Batista, São Vicente
    Ferrer, Cajapió, São Bento e Bacurituba. Na ocasião, serão dadas mais informações acerca do lançamento do
    edital do projeto (com previsão já para este mês de junho) bem como do
    lançamento da licitação para excução da obra (cujo edital deve ser lançado no
    fim deste ano).

    Postado por

     

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!