Logo
  • Câmara de Presidente Sarney – Áudios revelam compra de decisão judicial a ser paga com dinheiro do legislativo

    Vereador Adelmo Moraes (PSD)

    Compromissados com os servidores da Câmara Municipal de Presidente Sarney, contrário a o vereador que hoje faz parte do legislativo local e já presidiu casa não honrando seus compromissos, a maioria dos vereadores decidiram antecipar as verbas salariais e previdenciárias dos servidores da casa.

    A medida, antecipa os repasses dos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, garantindo assim a compensação salarial dos Edis, servidores da casa e verbas previdenciárias.

    O vereador Adelmo Moraes (PSD), hora empossado como presidente, é detentor de uma gestão cheia de irregularidades a frente da casa em legislatura anterior.

    Empréstimos consignados contraídos pelos vereadores, descontados em folha e não repassados a instituição financeira, salários atrasados, cheques sem fundo, além não ter prestado contas dos exercícios de quando esteve à frente da casa.

    O TCE/MA instaurou duas tomadas de contas contra o vereador Adelmo, referente aos exercícios de 2015 e 2016 conforme documentos anexos abaixo.

    O blog também trará à tona, áudios envolvendo o vereador, um empresário e ex-prefeito, onde revelaram a compra da decisão judicial que ´dá posse ao vereador  no valor de R$ 100 mil, para ser paga com a verba da Câmara Municipal.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!