Logo
  • Pinheiro

    Governo realiza ação de saúde em território indígena Gamela, em Viana

                                     Atendimentos médico e de enfermagem na aldeia Acroá Gamela

    O território indígena da etnia Gamela, localizado nos municípios de Viana e Matinha, concentra cinco aldeias: Cajoeiro Piraí, Taquaritiua, Nova Vila, Tabocal e Centro do Antero, onde moram aproximadamente 250 famílias. O local já foi alvo da ação de fazendeiros em um grande conflito em 2017 que deixou vários indígenas mortos, por isso, toda essa população foi incluída no Programa de Proteção de Defensores de Direitos Humanos, único caso no Brasil de forma coletiva. As principais lutas deles são pela demarcação, reconhecimento do seu território, além de políticas públicas voltadas para a saúde, educação e segurança alimentar.

    O Governo do Estado, por meio das Secretarias de Estado de Políticas Públicas (Seepp), de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) e da Saúde (SES), realizou, nos dias 24 e 25 de julho, na aldeia Cajoeiro Piraí, em Viana, reunião com as lideranças indígenas para ouvir as demandas da comunidade. Eles solicitaram planos de ações voltados para saúde e educação, pois afirmam terem acesso dificultado nas cidades vizinhas a aldeia.

    Na ocasião, também foram realizados atendimentos médico e de enfermagem, com apoio da Força Estadual de Saúde do Maranhão (Fesma), com oferta de testes rápidos para Covid-19, aferição da pressão arterial, distribuição de medicamentos, além de orientações sobre prevenção ao coronavírus. Dezenove pessoas realizaram o teste, sendo 7 reagentes (já possuem anticorpos e não transmitem mais) e 12 não reagentes. Segundo dados da SES, até o momento já foram registrados 501 casos da Covid-19 entre indígenas, com 12 óbitos. Entre os Gamela, há um caso de óbito confirmado e pelo menos outros três estão em investigação.

    “Nós realizamos um trabalho inicialmente pontual para atender os problemas relacionados a pandemia do coronavírus, mas também estamos vendo a possibilidade de se manter, com certa regularidade, algumas equipes da Fesma ou do Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei), que inclusive tem essa atribuição de prestar assistência dentro dos territórios indígenas. De toda forma, os Gamela não ficarão desassistidos”, afirmou o secretário de Políticas Públicas, Marcos Pacheco.

    “Cabe a nós da Sedihpop trabalhar essas articulações, bem como monitoramento das políticas públicas voltadas para a população indígena do Maranhão. Agora estamos aqui com as ações de saúde, futuramente serão ações de educação e segurança alimentar no território. A intenção do Governo do Estado é continuar com essas ações de forma permanente”, disse Francisco das Chagas, assessor especial de Assuntos Indígenas da Sedihpop.

    Cacot Acroá Gamela foi um dos indígenas que teve atendimento médico e de enfermagem na aldeia. Ele destacou a dificuldade de conseguir atendimento nas cidades vizinhas e agradeceu ao Governo do Estado pela oferta desses atendimentos de saúde. “Pra nós, foi muito bom ter o médico e o enfermeiro aqui pra nos atender. Eu mesmo não sabia se já tinha tido ou não essa doença, mas graças a essa equipe agora eu sei que já tive e já estou curado. Essa foi uma das melhores coisas que aconteceu aqui dentro do território”, agradeceu o indígena.

    Fesma em áreas indígenas

    Equipes da Fesma vão realizar um mutirão de atendimento aos indígenas da etnia Gamela nos dias 28, 29, 30 e 31 de julho, onde serão realizados testes rápidos para detecção da Covid-19, testes de glicemia, aferição da pressão arterial, consultas médicas e de enfermagem, além da dispensação de medicamentos.

    De 8 de junho a 2 de julho, a Força Estadual de Saúde do Maranhão realizou ações de saúde a indígenas das regiões de Barra do Corda, Santa Inês, Zé Doca e Imperatriz. Foram realizados 1.914 atendimentos, 1.529 testes para Covid-19, sendo 787 reagentes e 742 não reagentes.

    Ferryboats passam a operar com novos horários

    A partir desta terça-feira (23), o quadro de viagens do transporte aquaviário de ferryboat entre os terminais da Ponta da Espera e Cujupe vai passar a funcionar com novos horários.

    A medida tem o objetivo de adequar o serviço de ferryboat às recomendações do Decreto do Governo do Estado do Maranhão Nº 35.672, de 19 de março de 2020, bem como a Portaria Nº 250, de 18 de março de 2020 da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) relativa ao Plano de Contingência e Prevenção da Transmissão do novo coronavírus, Covid-19.

    “Nesse momento de crise é de fundamental importância o esforço de todos para vencermos o novo coronavírus. E o Governo do Maranhão está tomando todas as medidas necessárias para tentar conter essa pandemia”, disse Lawrence Melo, presidente da MOB.

    Serão realizadas diariamente seis viagens saindo de cada terminal, totalizando a quantia de 12 viagens.

    As passagens adquiridas antecipadamente para viagens a partir do dia 24 de março de 2020, que não correspondam aos novos horários, deverão ser remarcadas nas bilheterias das empresas prestadoras do serviço.

    As vendas de bilhetes e remarcações serão realizadas apenas nos terminais da Ponta da Espera e Cujupe.

    Caso haja demanda e disponibilidade de embarcações, poderão ser realizadas viagens adicionais.

    Preso homem que assaltou farmácia Ultrapopular em Pinheiro

     

    A equipe motorizada da Guarda Municipal de Pinheiro, conduziu na noite desta segunda-feira (02), Anderson Silva Santos, flagrado durante assalto da farmácia Ultrapopular no centro de Pinheiro.

    O homem foi flagrado pelas câmeras de segurança da farmácia. A guarnição de serviço da Equipe motorizada em ronda pela cidade, nas proximidades da praça São Benedito, avistou o conduzido na garupa de um moto taxi.

    Foi dado voz de parada, foi feito a revista pessoal e encontrado uma quantia de R$:165,00 R$. Diante do fato ocorrido anteriormente, foi dado voz de prisão e o mesmo foi conduzido até a delegacia regional sem lesões corporais.

    Prefeito Luciano assina convênio com o SESC para instalação da carreta saúde mulher em Pinheiro

    Foi assinado na manhã desta sexta-feira, 05, o convênio que estabelece a cooperação técnica entre o Sesc e a Prefeitura de Pinheiro para instalação da Unidade Móvel Sesc Saúde Mulher.

    Estiveram presentes na sala da presidência da Comércio, Ed. Francisco Guimarães e Souza para assinatura do convênio o Presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, José Arteiro da Silva, a Diretora Regional do Sesc, Rutineia Monteiro, o Prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, o Superintendente da Fecomércio, Max de Medeiros, o Conselheiro do Sesc, William Câmara Ribeiro, além dos diretores do Sesc, Darlise Ramos, Regina Soeiro, Ribamar Cunha e a Coordenadora de Assistência e Saúde do Sesc, Patrícia Oliveira.

    A solenidade de instalação da Unidade Móvel acontece esta terça-feira, 9, às 10h, na Praça São José em Pinheiro. A Unidade oferece atendimento gratuito a mulheres com idade entre 50 a 69 anos com exames de mamografia e exames citopatológicos para mulheres com idade entre 25 e 64 anos.

    Projeto do vereador Elizeu de Tantan beneficiará 4 mil famílias pinheirenses

    No mínimo quatro mil famílias serão beneficiadas com a ação do vereador, Elizeu de Tantan, junto a Fundação Palmares através do Programa do Governo Federal, Tarifa Social (Veja Aqui).

    O Superintendente da Fundação Palmares, George Alan Ramalho Pereira, esteve no Plenário da Câmara Municipal de Pinheiro no último dia (14), a convite do presidente da casa.

    “Na realidade eu gostaria de agradecer a Deus, hoje por este dia, um dia muito importante na minha vida, na minha passagem nessa casa aqui, na Câmara Municipal de Pinheiro, um projeto meu, juntamente com uma parceria com a Fundação Palmares, onde a gente por chegar a quatro mil famílias na cidade de Pinheiro”. Garantiu Elizeu.

    Veja abaixo o informe da TV Câmara.

    https://www.youtube.com/watch?v=EtTSDMdZc1g

    Dr. Oseias Ferreira toma posse como novo Delegado Regional de Pinheiro

    Dr. Oseias Ferreira Cavalcante é o novo Delegado Regional de Pinheiro

    Em breve solenidade no auditório do Centro Cultural de Pinheiro, o Secretário de Segurança Pública do Estado do Maranhão, Jefferson Portela, deu posse ao novo Delegado Regional de Pinheiro.

    Sai o delegado Dr. Carlos Renato e assume o Dr. Oseias Ferreira Cavalcante. O delegado Oseias atuava na Regional de Imperatriz do MA. Segundo o novo Delegado Regional de Pinheiro. “As expectativas são as melhores possíveis no sentido de continuar com o excelente trabalho que vinha sendo desenvolvido pelo Dr. Carlos Renato”. Disse o delegado.

    De acordo com Secretário de Segurança do Estado, Jeffeson Portela, o Dr. Oseias é um homem que traz a experiência dele, já serviu as forças armadas, sabe o que é uma hierarquia e disciplina e agora foi promovido a Delegado Regional.

    Dr. Carlos Renato que assumiu na tarde desta sexta-feira (08) a Regional da cidade de Bacabal, disse que deixa a função de Delegado Regional de Pinheiro com sentimento de dever cumprido.  “Eu saio com a ses ação de dever cumprido na medida de nossas forças, a nossa pretensão é sempre maior, sempre objetivamos mais eficiência. A boa vontade, a dedicação, ela não pode faltar para quem trabalha nessa área de segurança. Desejo ao Delegado Oseias que a gestão dele seja melhor, seja mais eficiente e que mais bandidos sejam retirados do seio social. Acrescentou o Dr. Renato.

    As mudanças fazem parte das estratégias de Segurança Publica do Governo do Estado, explicou o Secretário de Segurança, Jefferson Portela.

    A solenidade contou a presença do vice-prefeito da cidade de Pinheiro, Stélio Cordeiro, do Comandante do 10º BPM Coronel Diniz, Vanessa Castro representando a prefeita Valéria Castro de Pres. Sarney, policias militares e civis.

    A Nova TV Difusora Pinheiro, fez a cobertura do evento. Veja abaixo.

    Othelino Neto garante apoio à celebração dos 65 anos do Colégio Pinheirense

    O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB), recebeu, nesta quinta-feira (7), a visita de uma comissão do Colégio Pinheirense, localizado no município de Pinheiro. O objetivo foi pedir o apoio do parlamentar para a realização da festa em celebração aos 65 anos de fundação da unidade de ensino, pioneira na Baixada Maranhense.
    Na reunião, Othelino Neto comprometeu-se em colaborar com a organização da festa, colocando-se à disposição, inclusive, para a mobilização de novos parceiros, que possam contribuir para a realização de uma bela festa em homenagem ao Colégio Pinheirense.

    “O Colégio Pinheirense é muito marcante na história de várias gerações de Pinheiro e entorno. Agora, completa 65 anos e recebi a comissão, com o objetivo de somar esforços e, assim, fazer uma bela festa, prestando serviços à comunidade de Pinheiro”, afirmou.

    O padre Benedito Pereira Estrela destacou que o Colégio Pinheirense foi a primeira escola a chegar à Baixada Maranhense e já formou inúmeras pessoas, que alçaram sucesso profissional e, até hoje, contribui com os três pilares da educação – a ética, a moral e a religião. Participaram também da reunião Ana Paula Lobato, presidente do Grupo de Esposas de Deputados do Estado do Maranhão (Gedema); a diretora pedagógica do Colégio Pinheirense, Célia Serrão; o professor Gilmar Soares; e o vereador Valter Soares.

    “Nós viemos apresentar uma proposta de parceria com o Colégio Pinheirense, que completa 65 anos de existência. Para fazer essa comemoração, pedimos um apoio na organização da festa, já que são muitos os alunos que passaram por aquela escola e, hoje, queremos fazer com que essas pessoas, que já são formadas, retornem para comemorar esses 65 anos de existência em prol da educação da Baixada Maranhense”, completou.

    Caramujos invadem Escola Municipal Agostinho Ramalho em Pinheiro

    Uma infestação de caramujos preocupa professores, estudantes, funcionários e pais de alunos da Escola Municipal Agostinho Ramalho Marques no bairro de Alcântara em Pinheiro.

    Eles estão por toda parte e têm dado trabalho para o pessoal da limpeza. “A gente está aguardando que alguém venha e nos dia alguma coisa. Até como proceder, porque a proliferação atinge os alunos, a segurança deles”. Disse uma servidora que não quis se identificar.

    Por onde passam deixam uma secreção. A área externa da escola é cheia de plantas e nos locais mais úmidos, eles se proliferam. Segundo pais de alunos, a Secretaria de Educação já foi comunicada e não tomou nenhuma providência.

    As principais doenças causadas pelo caramujo são a esquistossomose ou simplesmente barriga d’água, meningite eosinofílica e a estrongiloidíase.

    Os caramujos são pequenos moluscos facilmente encontrados em plantações, jardins e até mesmo nas cidades porque não tem predadores, se reproduzem rapidamente e se alimentam de plantas, podendo comer até mesmo as tintas das casas.

    Caravana Maranhão Quilombola realiza mais de sete mil atendimentos no Pirinã em Pinheiro

    O Governo Estado registrou mais de sete mil atendimentos na ação da Caravana Maranhão Quilombolaem Pirinã, na região de Pinheiro, com atendimentos médicos e sociais. Dentro do conjunto de ações levadas ao povoado quilombola, a Secretaria de Estado da Saúde realizou diversos tipos de serviços como imunização, atendimento e orientação em saúde bucal, atendimento médico, teste rápido para HIV, Hepatites B e C, Sífilis.

    Quinhentos e vinte cinco moradores do Quilombo Pirinã, no município de Pinheiro, receberam diversos serviços de saúde levados pelo programa Caravana Maranhão Quilombola, totalizando 7.786 atendimentos. O programa do Governo do Estado tem ações voltadas para implementação de estratégias e ações que garantam melhores condições de vida à população quilombola.  O atendimento foi realizado na última terça-feira (29).

    Para o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, a recepção dos quilombolas aos atendimentos mostra o compromisso do Governo do Estado com a saúde de todos os maranhenses. “Estas ações mostram o compromisso da gestão Flávio Dino com a população quilombola, levando ações de saúde, educação, inclusão produtiva, palestras, oficinas e atendimento às mulheres”.

    Para a chefe do Departamento de Educação em Saúde da Secretaria Adjunta da Política de Atenção Primária e Vigilância em Saúde da SES, Claudiana Cordeiro, estas atividades possibilitam o desenvolvimento dos quilombos, ampliando o acesso a serviços básicos de saúde para melhorar o IDH e a qualidade de vida. “É uma ação que leva serviços essenciais às comunidades rurais distantes da sede do município”, disse.

    Nessa quarta-feira (30), a população do Quilombo Santana dos Pretos participou da Caravana Maranhão Quilombola e teve acesso a ações de prevenção e cuidado das doenças mais prevalentes entre a população negra. Além dos atendimentos, medicamentos foram distribuídos nos dois quilombos durante o programa.

    A população quilombola recebeu, ainda, preservativos (masculino e feminino), participou de palestras educativas em saúde bucal e realizou exames preventivos em mulheres dos dois quilombos.

    O programa, instituído por decreto em julho de 2015, é uma iniciativa inédita do Governo do Estado, colocado em prática pela Secretaria de Estado de Igualdade Racial (Seir) e que conta com a participação de todas as secretarias e entidades públicas estaduais, de acordo com as suas competências específicas.

    Ventos derrubam árvore e arrancam bomba de combustível em Pinheiro

    Fortes ventos seguidos de uma chuva assustou moradores da cidade de Pinheiro na Baixada Maranhense, no início da tarde desta segunda-feira(06). Uma árvore chegou a cair no Centro da cidade e bomba de gasolina de um posto de combustível foi arrancada.

    Populares flagraram o momento exato da forte ventania. Vejam os vídeos abaixo.

    https://www.youtube.com/watch?v=4mCFNGdXr8A

    https://www.youtube.com/watch?v=CAJ7y7hQxTI

    https://www.youtube.com/watch?v=4h2crXx5TqE