Logo
  • Central Estudantil Pinheirense Mobiliza Alunos da Rede Estadual em Favor dos Profissionais da Educação.

    Alunos da rede estadual
    de ensino de Pinheiro fizeram na manhã de hoje (22), uma mobilização em apoio à
    greve dos servidores da Educação do Estado. A mobilização aconteceu no Prédio
    da Câmara Municipal de Pinheiro, com o Principal objetivo de informar os Alunos
    sobre a continuação da greve e o motivo que está levando os Profissionais a paralisarem
    suas atividades por tempo indeterminado.
    A mobilização dos alunos
    em apoio à classe de Professores foi organizada pela (CESP) Central Estudantil
    Pinherense, que tem a frente o Jovem Dudivan Pimenta, a mobilização também contou
    com a participação do Grêmio Estudantil da Escola Dom Ungarelle, na pessoa de
    sua Presidente Isabele Bianca e com o apoio do Conselho da Juventude Estadual
    representado por Idalete Rodrigues. O vereador João Morais o Professor Silval
    Marques, Algeni e a Professora Leonizia, deram a sua parcela de contribuição a
    Mobilização estudantil.
    O movimento coincide com
    a greve nacional da educação, na terça (23), quarta (24) e quinta (25) e
    prossegue por tempo indeterminado até que seja aprovada, na Assembleia
    Legislativa, a proposta de Estatuto do Educador, construída, debatida e
    negociada em reuniões entre diretores do Sinproesemma e o governo do Estado.
    A consulta aos educadores
    aconteceu no período de 3 a 9 deste mês, nas regionais de Açailândia, Balsas,
    Barra do Corda, Bacabal, Caxias, Chapadinha, Codó, Imperatriz, Itapecuru-Mirim,
    Pinheiro,
    Pedreiras, Presidente Dutra, Rosário, São João dos Patos, São Luís, Santa Inês,
    Timon, Viana e Zé Doca. Cada regional representa, em média, 10 municípios
    maranhenses. A maior é a de Zé Doca, que envolve 17 municípios.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!