Doze pessoas são presas na operação “Bacuri Sem Drogas”

Nesta desta sexta-feira, dia 19, foi deflagrada a Operação
da Polícia Civil “Bacuri Sem Drogas”, com oito mandados de busca e apreensão,
expedidos pelo juiz Marcelo Santana Farias da Comarca de Bacuri.
Após três meses de investigação da Superintendência de
Polícia Civil do Interior (SPCI), 12 pessoas foram presas, sendo 8 homens e 4
mulheres, dentre elas, uma grávida de oito meses que estava com droga escondida
dentro da vagina.
Nas incursões policiais foram presos Lourival Costa
Correa; Veranilton Ramos; Jailton Carlos Mafra Ferreira; Vanderson Lima
Barbosa; Iranildo Ferreira Pontes; Adenilton Ferreira Pontes; Elzenira Ramos;
Irene Ferreira Pontes; Katilene Ramos; Marta Silva; Messias Pereira Cardoso e
Jodenilson Ramos Cunha.

As equipes policiais estiveram, simultaneamente, em oito
residências. Em todas elas foram encontradas drogas. No total, foram
apreendidos 580 papelotes de crack, prontos para a venda; a quantia de R$ 322
em dinheiro trocado; três espingardas; 7 aparelhos celulares e vários materiais
para embalagem da droga, como balança de precisão, sacos plásticos e
recipientes.
De acordo com o superintendente de Polícia Civil do
Interior (SPCI), Jair Paiva, a Região da Baixada, é favorecida pela formação
geográfica, por isso o mercado de tráfico de drogas é bastante intenso.
“O transporte da droga é feito
em sua grande maioria pelo mar, e por isso a facilidade de se traficar
entorpecentes, mas a polícia continuará combatendo esse tipo de crime naqueles
municípios”,
 disse.
Ele informou, ainda, que a Polícia Judiciária está com
todo o mapeamento da rota de transporte desses entorpecentes e já identificou
outras pessoas envolvidas com esse comércio ilegal.

A operação foi comandada pelos delegados César Veloso e
Maria de Jesus de Sousa, ambos da SPCI e ainda Danilo Veras, delegado-titular
de Santa Helena, acompanhados de três equipes de investigadores da SPCI e mais
quatro policiais civis de Pinheiro, Cururupu, Bacuri, Cedral e Santa Helena.
Todos foram autuados em Cururupu pelos crimes de tráfico
de drogas e associação para o tráfico, e permanecerão presos à disposição da
Justiça.
Do blog do Luìs Pablo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *