Logo
  • Em parceria, Embrapa e Governo lançam nova cultivar de arroz no Maranhão

    Após
    anos de pesquisa, a Embrapa e o Governo do Estado lançaram, no sábado (14), a
    nova cultivar de arroz desenvolvida principalmente para a Baixada Maranhense, a
    BRS MA 357. O lançamento, que aconteceu durante a VII Abertura da Colheita de
    Arroz Irrigado, na Fazenda Mamão, em Arari, contou com a presença do secretário
    de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima), Cláudio Azevedo, que fez a
    entrega simbólica de 100 toneladas de sementes da nova cultivar a produtores
    maranhenses, ação que integra o programa Viva Sementes, desenvolvido pela
    Sagrima.
    Também
    participaram do evento a diretora de Administração e Finanças da Embrapa de
    Brasília, Vânia Castiglioni, o empresário Benedito Mendes, o diretor regional
    da Camil Alimentos, André Ziglia – ambos realizadores do evento, o
    superintendente da Codevasf do Maranhão, João Batista Martins, o deputado
    federal Carlos Brandão, o prefeito de Arari, Djalma Melo, o chefe geral da
    Embrapa Cocais, Valdemício Ferreira, além de produtores, empresários,
    pesquisadores e secretários municipais.
    A
    cultivar BRS -MA 357 proporciona uma planta de baixo porte – que evita o
    acamamento, alta produtividade e fácil manejo, e ainda voltada para pequenas
    áreas, facilitando o plantio dos agricultores familiares.
    Por
    meio do Programa Viva Sementes, a Sagrima já distribuiu, nas últimas 3
    safras,  5.700 toneladas de sementes de arroz, milho e feijão e 5.146
    quilos de sementes de hortaliças e frutas. Para a safra 2013/2014 o órgão
    estadual já deu início a distribuição de mais 1.447 toneladas de sementes de
    arroz e milho, além de 773 quilos de sementes de frutas e hortaliças. “Essas
    sementes que compramos da Embrapa são adaptadas às condições do solo e clima do
    Maranhão”, enfatizou o secretário Cláudio Azevedo.
    Também
    poderão utilizar essa nova cultivar os produtores que plantam em terras baixas,
    várzeas úmidas ou sob regime de irrigação. A BRS MA 357 tem uma estimativa de
    produtividade de 7 toneladas/hectare, bem acima do alcançado atualmente, que é
    de 5 a 6 toneladas.
    A
    diretora da Embrapa, Vânia Castiglioni, ressaltou que o convênio assinado entre
    o Governo do Maranhão e a Embrapa resultou nessa pesquisa. “No entanto, não
    adianta gerar tecnologia se não houver inovação tecnológica no campo e não
    fazer a diferença na sociedade. Essa distribuição de sementes pela Sagrima é
    importante porque leva essa tecnologia aos agricultores”, elogiou Vânia
    Castiglioni.
    O
    agricultor de Arari, Francisco de Sales Fernandes, foi um dos 3 produtores que
    receberam, simbolicamente, as sementes da cultivar BRS MA 357. “Ontem
    (sexta-feira, 13) eu participei do Dia de Campo e o que mais me chamou atenção
    foi a resistência da planta do arroz ao acamamento, a produtividade e a
    qualidade do grão”, contou ele. “Já recebi sementes da Sagrima nas safras
    anteriores e as sementes são de boa qualidade e nos ajudam bastante”,
    complementou o agricultor.
    O
    lançamento da nova variedade de arroz faz parte das comemorações dos 40 anos da
    Embrapa, e está sendo promovido por cinco unidades da Empresa, em parceria com
    algumas instituições maranhenses, como a Sagrima, Secretaria de Desenvolvimento
    Social e Agricultura Familiar (Sedes) e Agência de Pesquisa Agropecuária do
    Maranhão (Agerp).
    Após
    o lançamento da nova variedade e da entrega simbólica das sementes, os
    participantes do evento foram até o campo e acompanharam a abertura da colheita
    na Fazenda Mamão.
    Dia de Campo
    Também
    em parceria com alguns órgãos, no dia anterior ao lançamento da BRSMA 357 (13
    de dezembro), a Embrapa promoveu um “Dia de Campo” em Arari, que teve o
    objetivo de levar produtores e visitantes para uma visita à Fazenda Mamão, onde
    há uma vitrine da nova cultivar plantadas em uma área de aproximadamente 1.000
    m².

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!