contrato suspeito

Empresa que ganhou contrato de mais de R$ 4.3 milhões na prefeitura de Pinheiro deixa alunos sem transporte escolar

Durante apresentação do Programa Pericumã Noticias nesta quarta-feira (11), o apresentador, Flávio Rocha, recebeu uma enxurrada de mensagens de...

Durante apresentação do Programa Pericumã Noticias nesta quarta-feira (11), o apresentador, Flávio Rocha, recebeu uma enxurrada de mensagens de alunos e pais de alunos das escolas municipais de Pinheiro, reclamando da falta de transporte escolar.

As denúncias vieram dos povoados Pracinha da Alegria, Ribeirão, Tiquireiro e outros. Segundo relatou uma aluna do povoado Pracinha da Alegria ao apresentador, os alunos da referida povoação, estão há três dias sem transporte escolar.

A mesma situação passam os estudantes das demais povoações. A prefeitura Municipal de Pinheiro que contratou uma empresa da capital do estado, São Luis, por $ 4.399.000,00 (quatro milhões, trezentos e noventa e nove reais) para Locação de Veículos para o Transporte Escolar da Rede de Educação Básica, de interesse da Secretaria de Educação do Município de Pinheiro, não emitiu nenhum comunicado aos pais de alunos.

A empresa que faturou o contrato milionário, tem endereço na  Av. Almirante Tamandaré, nº 41, Vila Palmeira, São Luís-MA. Mesmo levando quase 5 milhões de reais dos cofres públicos da prefeitura de Pinheiro. A empresa contratada por Luciano Genésio, não serve os alunos da rede municipal de ensino.

É bom o Ministério Público abrir o olho.

VER COMENTÁRIOS

Artigos relacionados