Logo
  • executor de Décio sá irá depor no piauì

    Os depoimentos de Jhonatan Sousa Silva – executor do jornalista Décio Sá – e de Valdênio José da Silva – envolvido no assassinato de Fábio Brasil – deverão ser encaminhados hoje dia 17, para as autoridades do Piauí.
    Delegado Edvan Botelho

    Delegado Edvan Botelho
    O responsável pelo 6º Distrito Policial do Piuaí, delegado Edvan Botelho, que irá receber os depoimentos, participou das investigações do caso Décio Sá.
    O delegado disse que já vinha trabalhando em conjunto com a polícia do Maranhão há alguns meses.
    Ele revelou que a polícia do Piauí não tinha chegado a Jhonatan Silva, mas já desconfiava do envolvimento de Valdênio da Silva, que por duas vezes foi à Teresina e na última ameaçou Fábio Brasil de morte.
    “Nós não tínhamos chegado a Jhonatan, mas já desconfiávamos do envolvimento do Valdênio. Ele já tinha vindo em Teresina por duas vezes e na última vez ameaçou Fábio Brasil de morte. Por isso, já estávamos o investigando”.
    Os depoimentos devem ser enviados por e-mail ao delegado Edvan Botelho até amanhã, prazo para a entrega do inquérito no Maranhão.
    O depoimento mais esperado pelas autoridades do Piauí é o do executor do jornalista Décio Sá, que também teria sido contratado pela mesma quadrilha de agiotas do Maranhão, para executar Fábio Brasil.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!