Logo
  • Família suspeita de traficar drogas é presa em Cedral

    Uma operação desencadeada pela Superintendência de Polícia
    Civil do Interior (SPCI), em conjunto com policiais da 5ª Delegacia Regional de
    Pinheiro, desarticulou uma quadrilha envolvida com o tráfico de drogas no
    município de Cedral. Segundo a polícia, os detidos, que são da mesma família,
    eram responsáveis por vender entorpecentes na região. As ações que
    ocorreram na quinta-feira (20) deram cumprimento a mandados de buscas e
    apreensão em diversos pontos na cidade.
    Foram presos, Jadaias Moreira
    Apolinário, 30 anos, e a esposa dele, Kátia Regina Mendes, 45, conhecida como
    vendedora de drogas no povoado Outeiro, daquele município. Durante as ações
    foram presos, ainda, Alderina Mendes, 65, mãe de Kátia Regina (ela tentou
    esconder parte da droga e subornar um dos policiais no momento da prisão,
    oferecendo uma quantia de R$ 900), e Naldo Santos Martins, 53, também conhecido
    como “Baleco”, companheiro de Alderina.
    Em depoimento, “Baleco” delatou
    que a droga seria distribuída para alguns pescadores. Cada cigarro de maconha,
    segundo as investigações, era vendido pelo valor de R$ 2.
    “Esta é apenas uma das ações
    que estamos deflagrando em todo o estado para combater o tráfico de drogas. Com
    a desarticulação de mais esta quadrilha estamos dando um choque no tráfico e
    evitando outros crimes, entre eles, homicídios”, comentou o superintendente de
    Polícia Civil do Interior, delegado Jair de Lima Paiva.
    Durante a ação, foram apreendidos 117
    cigarros de maconha, diversas pedras de crack, barrilha, utilizada no preparo
    para dissolver o crack, além de dinheiro.
    A quadrilha foi autuada por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Eles
    permanecerão detidos à disposição da Justiça.

                                                       

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!