Logo
  • “Fracasso”, diz Diniz sobre carreata de Robson Cheira e Nestor em Bequimão

    Que as alas oposicionistas de Bequimão vivem em pé de guerra na busca pelo poder e não estão nem um pouco preocupadas com a vida da população, isso todo mundo sabe. Mas um episódio chamou a atenção dos milhares de bequimãoenses na noite deste sábado (31). O ex-prefeito de Bequimão, Antônio Diniz, mandou mensagem em grupo de WhatsApp desmontando a farsa da tão propalada “Carreata da História”, realizada por Robson Cheira e Nestor Júnior.

    Um áudio que circula no WhatsApp trouxe à tona, novamente, a disputa de egos entre os oposicionistas, que não trabalham pelo povo e querem a todo custo chegar à Prefeitura de Bequimão. Antônio Diniz definiu como um verdadeiro “fracasso” a carreata de “Cheira Sunga e “Sinhô”, cuja data de realização vinha sendo divulgada há um mês.

    “Pessoal, boa noite. Eu tô vindo de olhar a carreata do Robson Cheira. O que de fato eu vi e todos aqui me conhecem: eu não sou um cara de fantasiar nada. Não vi de fato povo para decidir eleição. Vi muitos carros. Também muitos carros que eu não detectei como sendo daqui de Bequimão. O que de fato foi um fracasso em relação a povo na rua, povo no chão”, escancarou o ex-prefeito de Bequimão, insinuando a troca de visitas com municípios vizinhos.

    Diniz enfatizou que a dupla de aventureiros tentou ser esperta ao dividir seus correligionários em alas, na carreata. “Tentaram ser espertos. Dividiram a quantidade de povo que eles têm em duas parcelas: uma na frente de um carro de som e outra atrás. Isso nem me sacudiu sobre o que eu penso de política”, afirmou o pedetista.

    Também com forte rejeição, devido à gestão catastrófica entre 2009 e 2012, Diniz se deixa enganar pelo ego aflorado e nega veementemente qualquer possibilidade de aliança com os candidatos da “Onda Azul”. A estratégia é parecer diferente deles, porém o pedetista esquece que o povo de Bequimão não tem memória curta e, ainda por cima, duvida do caráter dos eleitores bequimãoenses.

    “Sei das rejeições que alguns políticos de Bequimão têm junto ao eleitorado. Podem estar me enganando ou enganando os outros políticos. O movimento político que eu vi hoje do 22, que era pra abafar e uma coisa de muito dinheiro, disseram que teriam três surpresas. Eu não vi nenhuma. Chegaram a fomentar que uma das surpresas seria minha adesão à candidatura de Robson. Não vou aderir a ninguém. Eu não vou aderir a ‘Cheira’”, garantiu.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!