Logo
  • Hospital da Baixada, construído e equipado pela ex-governadora, Roseana Sarney, mostrar sinais de abandono.

    HospiO Hospital Regional da Baixada, construído e equipado pela ex-governadora, Roseana Sarney, começa a mostrar sinais de abandono, pelo governador, Flávio Dino, que esqueceu a Baixada em especial os hospitais da região.

    Além de ter abandonado a construção do hospital de vinte leitos da cidade de São Bento, Dino cortou os repasses dos hospitais de 20 leitos das cidades de Bequimão e Palmeirândia. Na cidade de Pinheiro, Dino cortou os repasses da Farmácia Básica e SAMU, além de ter abandonado as obras do CRAS, CREAS e Parque Empresarial.

    O hospital Regional da Baixada, uma conquista dos bons políticos da região onde se destacaram pela luta árdua o deputado federal Victor Mendes, e o prefeito da cidade de Pinheiro Filuca Mendes, começa a mostrar os sinais de abandono.

    O hospital que foi transformado num verdadeiro comitê eleitoral, foi entregue ao Paraibano Leonardo Sá, que sonha ser prefeito da cidade de Pinheiro. A incompetência e inobservância do diretor da unidade, é percebida por quem procura atendimento no hospital.

    A sala de espera para coleta de exames, é uma amostra explicita da incompetência da direção, um total desrespeito com os baixadeiros que ali procuram atendimento. Um vazamento no teto goteja no centro da sala, a única medida tomada até o momento pela direção do foi colocar um balde no centro da sala.g3

    Vale ressaltar que o diretor do hospital, fez parte do legislativo pinheirense, por seis anos, além de não ter apresentado um só projeto na casa em todo esse período, também ficou conhecido como mais o vereador mais faltoso. Leonardo se afastou do legislativo para assumir a direção do hospital da Baixada, onde assina mais um atestado de incompetência.

    Não deu conta de legislar, mostra incapacidade para gerir uma unidade hospitalar, e ainda se autodenomina o melhor para comandar o município de Pinheiro, só se for na Paraíba.  g1g2

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!