Logo
  • Justiça mantém partido Solidariedade fora das Eleições em Pinheiro.

    Mantida a decisão da Juíza a 1ª vara da Comarca de Pinheiro, Dr. Tereza, que anula a Comissão Provisória do Partido Solidariedade. A coligação “PINHEIRO DE TODOS NOS”, impetrou um mandado de segurança para anular a decisão que destituiu a Comissão do SD, só que teve o pedido negado e a decisão foi mantida.

    Com a decisão o Solidariedade, fica fora das eleições municipais de Pinheiro, no mínimo 6 candidatos a vereador, ficarão fora da disputa, entre eles o ex-vereador, Zezinho de Dácio e o suplente de vereador, Edimilson Silva.

    O Solidariedade que foi registrado em duas atas, tanto a coligação “PINHEIRO DE TODOS NOS” de Leonardo Sá, quanto a coligação “PINHEIRO MERECE MAIS” de Luciano Genésio, queriam o partido de Comissão Provisória irregular.

    A decisão foi tomada sob fundamento de que nenhum dos membros que compõem a Comissão Provisória são filiados ao Partido Solidariedade. Abaixo a decisão.d1d2d3

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!