Logo
  • Luis Fernando fala sobre gestão eficiente durante palestra

    O
    secretário de Infraestrutura, Luis Fernando Silva, foi o primeiro palestrante
    do I Encontro Regional de Administração e II Encontro Maranhense dos Estudantes
    de Administração, evento que iniciou nesta quinta-feira (02) no Centro de
    Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís.
    Organizado
    pela Federação Nacional dos Estudantes de Administração, o encontro correrá até
    o próximo domingo (5) e terá, entre outros palestrantes, Claudio Forner,
    consultor do SEBRAE e conselheiro do programa O Aprendiz.
    Para
    uma platéia de mais mil presentes, Luis Fernando falou sobre desenvolvimento
    sustentável e gestão pública eficiente. Segundo ele, “uma gestão pública
    eficiente com participação social é um caminho para o desenvolvimento
    sustentável”
    – Nos dias atuais, para considerarmos uma ação forte
    do poder público no setor econômico, precisamos ter uma gestão pública
    eficiente. Não que a gestão pública conduza o crescimento econômico, mas,
    quando eficiente, ela induz esse crescimento porque atrai investimentos,
    estimula setores estratégicos e faz com que a renda cresça, as oportunidades de
    trabalho e a produção cresçam e que possam transformar a vida das pessoas
    através de mecanismo de participação social, distribuição da renda e da
    qualidade de vida melhor – ressaltou.

    Segundo
    Luis Fernando, a participação social em todas as etapas da gestão é
    imprescindível para uma gestão eficiente.
    – Não podemos abrir mão da sociedade na discussão, na
    formulação, no acompanhamento na avaliação e no controle das políticas
    públicas. Não cabe mais um estado tecnocrata, trancado numa sala, pensando no
    destino das pessoas quando as pessoas sabem muito mais do que qualquer
    governante o que é melhor para elas mesmas e sobre seu futuro – pontuou o
    secretário que deu como exemplo a forma como governou o município de São José
    de Ribamar e a forma como o estado tem trabalhado incluindo o cidadão na
    formulação das políticas públicas.  

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!