Logo
  • Maranhense está entre presos recapturados após fuga em massa no Paraguai

    O preso é natural de Imperatriz, ele cumpria pena há quatro anos por tráfico de drogas

    É do Maranhão um foragidos do presídio Pedro Juan Caballero. O presídio que sofreu com uma fuga em massa, onde 76 presos, sendo 40 brasileiros e 36 paraguaios escaparam na madrugada desse domingo (19).

    O maranhense foi recapturado na manhã desta segunda-feira (20), pelo Departamento de Operações da Fronteira (DOF). De acordo com o departamento, ele tem 30 anos e é natural de Imperatriz, cumpria pena por tráfico de drogas há quatro anos.

    A prisão foi realizada na região de fronteira com o Paraguai. Durante a abordagem, o suspeito ficou nervoso e acabou se entregando e confessando que era um dos 76 fugitivos do presídio.

    Leia mais: Membros do PCC realizam fuga em massa de prisão no Paraguai

    Entenda o caso

    Cerca de 76 presos, muitos dos quais seriam integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC), fugiram neste domingo, 19, da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, na fronteira do Paraguai com o Brasil, próximo ao município sul-mato-grossense de Ponta Porã.

    O ministro do Interior disse que alguns dos presos já devem ter escapado para o Brasil. Outros ainda podem estar no país. A maioria dos fugitivos é altamente perigosa, disse o ministro.

    O ministro do Interior disse considerar a hipótese de que os detentos saíram pelos portões principais da prisão e que tiveram o apoio dos agentes.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!