Logo
  • Mensagem de Sarney

    O
    senador José Sarney (PMDB-AP) falou sobre as suas expectativas para 2014,
    durante entrevista ao jornalista Roberto Fernandes, no Ponto Final, na Rádio
    Mirante AM.
    “Eu
    acho que 2014 será o ano da democracia consolidada e isto deve ser comemorado
    por todos nós porque o Brasil está avançando na parte social e eu fico feliz
    porque tudo isto foi iniciado no meu governo. Naquela época tudo era voltado
    para o econômico e eu venho e digo: tudo pelo social”, disse.
    Sarney
    disse acreditar que o próximo ano também será de avanços para o Maranhão. “O
    Maranhão começa a viver uma fase extraordinária após a preparação da sua
    infraestrutura. O nosso programa de recuperação de estradas vai levar asfalto a
    todas as cidades. Falam muito dos meus 50 anos, mas quando cheguei aqui não
    tinha nada. Tinha só um ginásio que era o Liceu e levamos isto a dezenas de
    cidades. A Roseana está plantando hospitais no interior e muita gente que é
    contra diz que não funcionam e que não tem paciente. Graças a Deus que não tem
    paciente porque é sinal que as pessoas não estão ficando doentes”, afirmou.
    Sarney
    demonstrou preocupação quanto à questão da segurança do cidadão. “A violência
    cresceu não apenas no Maranhão, mas no Brasil inteiro e no mundo. Eu vi um
    relatório da polícia e a maioria dos crimes hoje vem sendo cometido por pessoas
    com idade entre 18 e 24 anos. Os moços estão matando e se matando por droga.
    Vejam a questão do crak que está dominando. Ainda tem o fato de que, quando
    eles apertam lá no Sul, os bandidos fogem para cá para o Norte e tentam criar
    facções, grupos, enfim, utilizam os mesmo métodos que utilizam lá”, lembrou.
    Ao
    final da entrevista, o senador enviou mensagem de Natal e Ano Novo a todos os
    maranhenses. “Cada um de nós que vive é um vitorioso e vejo que o homem a cada
    dia tende a melhorar. A humanidade está avançando por isto  sou daqueles
    que acreditam sempre e não posso deixar de ser otimista, otimista com o meu
    país que é o Brasil. O meu abraço a todos os maranhenses. Vamos festejar o Natal
    com a família”.
    Do blog do Zeca Soares

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!