Logo
  • Mototaxistas são os que mais desrespeitam os sinais de trânsito em Pinheiro

    Os
    mototaxistas cada vez mais tomam conta do trânsito no município de Pinheiro e
    são estes os que mais desrespeitam as sinalizações de transito. Avançando o
    sinal fechado e desrespeitando a faixa do pedestre colocando em risco a vida dos cidadãos de nossa Cidade.
    A
    maioria dos mototaxistas que circulam pelo trânsito da cidade de Pinheiro, não
    tem o mínimo de respeito pela sinalização, principalmente durante o dia quando
    o fluxo de pessoas e veículos é maior, Entretanto, essa ação põe em total risco
    a vida dos pedestres. Os motoqueiros ultrapassam sinais vermelhos, desobedecem
    aos limites de velocidade.
    Na
    tarde desta terça – feira (15), nosso blog flagrou o abuso e desrespeito de um
    mototaxista na AV ; Getulio Vargas, no centro da Cidade. Um moto taxista que
    trafegava em uma motocicleta HONDA FAN de cor preta Placa NWY 9188 Pinheiro –
    MA, desrespetosamente furou o Sinal de trânsito.

    A
    maioria dos motoqueiros se utiliza dessas artimanhas para realizar o percurso
    mais depressa e consequentemente atender mais pessoas. “Não são todos que
    desrespeitam o transito, mas é inegável que a maioria põe em risco a vida dos
    pedestres e até a própria”.
    O
    trânsito da nossa cidade na realidade só existe no papel. Porque no dia a dia o
    que assistimos são absurdos praticados por parte de motoristas, motociclistas,
    mototaxistas  e pedestres.
    As
    motos no trânsito de Pinheiro são  um verdadeiro caos com alguns
    profissionais mototaxistas desrespeitando até sinal vermelho. É vergonhoso!
    Pedestre nas faixas que estão localizadas nos semáforos não obeservam quando o
    sinal está fechado para o mesmo e nas outras faixas sem semáforo não fazem o
    sinal com a mão solicitando passagem o que muitas das vezes metem o pé e
    atravessam provocando freadas brusca podendo causar um possível grave acidente. 
    Poucos
    agentes de trânsito, grande bagunça! Educação de trânsito só existe quando dói
    no bolso caso contrário não se resolve o problema. “E sem apadrinhamento
    político.”

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!