Logo
  • Othelino discute inauguração do Hospital de Pinheiro com secretário de Saúde

    Othelino, vereador Leonardo Sá, secretário
    Marcos Pacheco e a assessora Ana Lúcia Nunes. 
    O deputado estadual Othelino Neto
    (PCdoB), acompanhado do vereador Leonardo Sá (PDT), foi à Secretaria
    de Saúde do Estado (SES), neste sábado (16), para discutir detalhes
    sobre a  inauguração do Hospital Regional de Pinheiro com o titular
    da pasta, Marcos Pacheco, e com a assessora especial, Ana Lúcia Nunes,
    designada pelo governo para tratar do assunto.
    Marcos Pacheco disse ao deputado e ao
    vereador que parte dos equipamentos  já foi adquirida e que a compra
    de outros itens importantes ainda passa por licitação. Segundo ele, o
    governo está empenhado em acelerar o andamento do processo com o objetivo de
    entregar o hospital para a população o mais rápido possível
    “O Hospital de Pinheiro é essencial
    para toda a Baixada Maranhense, historicamente abandonada. O governo Flávio
    Dino, felizmente, começou a mudar isso”, disse Othelino Neto durante o
    encontro.
    Leonardo Sá também ressaltou a
    importância do hospital para a região de Pinheiro. “Com o governo Flávio Dino,
    vamos, enfim, ter o hospital equipado e servindo toda a nossa população”,
    frisou.
    Saúde é prioridade

    Marcos Pacheco
    reiterou que uma das prioridades do novo governo é a Saúde. Na última
    quarta-feira (13), o ministro da Saúde, Artur Chioro, esteve no
    Maranhão. Além de ouvir as demandas da região Tocantina por parte dos
    médicos e dos usuários, ele também fez uma avaliação dos primeiros meses
    da gestão da Saúde Pública Estadual com a
    equipe do atual governo.

    O ministro já havia
    estado em março na capital maranhense e conversado com o secretário de Saúde, Marcos Pacheco, em Brasília, por diversas
    vezes. Durante o encontro, o governador Flávio Dino reforçou o compromisso
    da gestão estadual com a descentralização da política de Saúde a partir do diálogo constante com as 19 regiões
    de saúde do Estado.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!