Logo
  • Pinheiro é incluída no novo projeto do SEBRAE – MA para impulsionar turismo na Floresta dos Guarás

    Com um leque de ações voltadas para impulsionar a atividade turística na região, o Sebrae atenderá 12 municípios, onze deles na Floresta dos Guarás e a cidade de Pinheiro, dada sua importância territorial.

    O nascer do sol de tirar o fôlego em uma das praias da região.

    Exercendo sua forte atuação como agente de fomento ao turismo no Maranhão, com foco nos pequenos negócios ligados direta e indiretamente com a atividade, o Sebrae tem trabalhado no estado com um leque de soluções direcionadas a inovação dos serviços e processos turísticos, produção associada à atividade turística, atividades de turismo de experiência, formatação e inclusão de novos produtos e sustentabilidade desses pequenos negócios.

    Neste sentido, e a partir do mapeamento turístico realizado na Floresta dos Guarás, no litoral ocidental maranhense, o Sebrae lança na próxima terça-feira (30), na cidade turística de Cururupu, um novo projeto voltado para atender demandas empreendedoras ligadas a esta atividade na região, intitulado de Turismo na Floresta dos Guarás, com execução prevista de três anos (2019 a 2021). O lançamento do projeto acontece às 9h, no auditório do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

    O litoral ocidental maranhense, desponta como uma das regiões mais belas de todo o estado.

    “A principal finalidade do Sebrae é apoiar o desenvolvimento da região por meio da inclusão social e preservação do meio ambiente, tendo na cadeia do turismo os meios necessários de geração de renda para a população que hoje reside e tem seus negócios na região”, afirma o diretor técnico do Sebrae no Maranhão, Mauro Borralho.

    A ação é a continuação de outro projeto realizado anteriormente pelo Sebrae na região, o DET – Desenvolvimento Econômico Territorial do Litoral Ocidental Maranhense – que trabalhou inúmeras ações voltadas para o fortalecimento da governança e desenvolvimento do potencial turístico regional.

    Toda a exuberância das dunas misteriosas da Ilha de Lençóis, em Cururupu.

    Além dos 11 municípios que integram territorialmente a Floresta dos Guarás, a cidade de Pinheiro, por toda a sua relevância como principal centro urbano da região e detentor da maior infraestrutura hoteleira e de lazer, também foi incluída no projeto, assim, a proposta do Sebrae é atender 12 municípios do território.

    Pinheiro, apesar de não integrar a Floresta dos Guarás foi incluído no projeto por sua importância territorial para a região.

    O programa Líder, desenvolvido na região pelo Sebrae, e que tem o envolvimento da sociedade civil organizada, do setor público e da classe empresarial, foi um importante condutor para a implantação do projeto, uma vez que tem um dos seus eixos temáticos voltados para o desenvolvimento do turismo.

    Toda a riqueza arquitetônica colonial da cidade de Alcântara, porta de entrada da Floresta dos Guarás.

    A Região

    A microrregião do Litoral Ocidental integra o conjunto da Amazônia Maranhense, conhecido como Floresta dos Guarás, localizada bem ao norte do estado e já é reconhecida como uma das regiões mais belas do Maranhão.

    Além de suas lindas paisagens naturais e seu povo hospitaleiro, os 11 municípios que integram a Floresta dos Guarás (Apicum Açu, Bacuri, Serrano do Maranhão, Cururupu, Mirinzal, Porto Rico do Maranhão, Cedral, Guimarães, Central do Maranhão, Bequimão e Alcântara), possuem inúmeros potenciais a serem fortalecidos, como a pesca, a cultura, a culinária regional, a agricultura, a construção naval e obviamente aquele que tem apresentado um crescimento exponencial, o turismo.

    São muitos os atrativos da região, que vão desde a exuberante e encantadora Ilha de Lençóis em Cururupu, conhecida internacionalmente por sua paisagem paradisíaca e suas misteriosas dunas envoltas em toda fé e misticismo do sebastianismo, até as ilhas da Baleia, em Apicum Açu; e de Mangunça, também em Cururupu. A praia de Saiçoíta, em Cedral; o quilombo de Frechal, em Mirinzal; as praias de Araoca e Recreio, em Guimarães; e, em Alcântara as diversas praias, e o seu rico patrimonial histórico completam a lista.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!