Logo
  • Prefeito de Pinheiro mente ao dizer que Banco do Brasil está retendo 13º de servidores municipais

    Irresponsabilidade e falta de gestão, são as marcas da administração do prefeito de Pinheiro que age sem nenhum compromisso e respeito com a população e principalmente com os servidores municipais.

    Nesta quarta-feira (20) os meios de comunicação do prefeito, fizeram ampla divulgação da quitação do 13º de todos servidos municipais. Sendo a segunda parcela para os servidores da educação e para as demais secretarias o 13º integral.

    Fato esse que não aconteceu, aos servidores da saúde, foi pago a segunda parcela, sendo que a primeira parcela do provendo nunca foi creditada para os servidores da referida secretaria. Ou seja, o prefeito depositou o valor menor, já que a segunda parcela fica sujeita aos descontos.

    Outra classe que também ficou sem uma das parcelas do provento, foi de educadores. Os professores receberam apenas a primeira parcela que foi pago no mês de setembro.

    Depois de não honrar compromisso com os servidores municipais, o prefeito continua agindo com impressionabilidade e tenta jogar a responsabilidade do não pagamento do 13º ao Banco do Brasil.

    Segundo o que propagam nas redes sociais os asseclas do prefeito, o Banco do Brasil, estaria retendo o repasse aos servidores. Mais um engodo do prefeito que nunca fez o repasses a referida agência.

    O blog deixa espaço aberto  ao garante do Banco do Brasil de Pinheiro, caso queira se manifestar e enviar uma nota de esclarecimento sobra a irresponsabilidade que faz o prefeito de Pinheiro com a intuição bancária.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!