Logo
  • Prefeito de Pinheiro retém repasse do (FNS) e não paga Agentes Comunitários de Saúde.

    Agentes comunitários de Saúde (ACS) do município de Pinheiro, localizado na Baixada Maranhense, denunciaram atraso salarial por parte da Prefeitura local.

    O Fundo Nacional de Saúde (FNS) repassou no último 22 de fevereiro, a fundos de saúde estaduais, municipais e do Distrito Federal recursos para pagamento do Piso de Atenção Básica Variável (PAB-Variável).

    Agentes Comunitários de Saúde, fazem denúncia dando conta de que o prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, retém o montante de 158.944,50, referente ao mês de janeiro de 2017 que foi creditado na conta da prefeitura desde o último dia 22|02.

    O dinheiro está disponível desde o dia 22 de fevereiro e até agora não receberemos o vencimento referente ao mês de janeiro. “Tem Agente de Saúde que está passando por necessidades por conta do não pagamento por parte da prefeitura, que por sua, vez tanto o prefeito, quanto a secretário não dão nenhuma expectativa” relatou um ACS indignado.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!