Logo
  • Radialista é assassinado a facadas em Cajapió

    Foi encontrado, na manhã de hoje
    (29), em Cajapió (a 297 km de São Luís, na Baixada Maranhense), o corpo do
    radialista Gilvan Pires.
    O corpo apresentava várias
    perfurações de faca e a arma do crime estava cravada em seu peito.
    Gilvan trabalhava na Rádio Planície
    FM, de São Vicente Ferrer (município vizinho a Cajapió), onde fazia um programa
    chamado “Quem sabe, sábado”.
    Na noite de ontem (28), o radialista
    foi visto numa moto, na companhia de um adolescente natural de São Luís, que
    está sendo procurado pela polícia.
    O delegado Oto Feques – titular da
    Delegacia de São Vicente Ferrer, mas que também atua em Cajapió – investiga o
    crime.
    A principal linha seguida pela
    polícia é a de latrocínio (matar para roubar), já que a moto do radialista foi
    levada.
    Do blog do Gustavo

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!