Logo
  • Suspeito de matar Evaldo Cardoso é preso em Maracaçumé

    Foi preso, nesta quinta-feira (18), no município de
    Maracaçumé (a 191 quilômetros de São Luís), um suspeito de envolvimento na
    morte do cantor de música brega Edvaldo Cardoso, no último dia 31 de março.
    Segundo informações do superintendente da Polícia Civil do Interior, Jair
    Paiva, a pessoa detida era professor no município e tem diversos indícios que
    apontam a sua participação no assassinato do cantor, sendo que o principal
    motivo para o crime teria sido uma discussão. O suspeito será transferido para
    São Luís.
    Relembre o caso
    Edvaldo Cardoso, de 41 anos, era cantor de música
    brega e foi assassinado com uma paulada na cabeça, em Maracaçumé. Os familiares
    encontraram o corpo dele em sua residência, no dia 31 de março. A polícia,
    inicialmente, investigou a hipótese de latrocínio, já que as roupas que Edvaldo
    usava nos shows foram roubadas. O músico ficou conhecido no Maranhão e em
    outras regiões do país com a música “Caminhoneiro do Amor”.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!