Logo
  • Vereadores discutem e quase se agridem na câmara de pinheiro

    Na sessão realizada nesta terça-feira (02/07)
    na Câmara Municipal  de Pinheiro. Os
    vereadores Oziel Menezes (PSD) situação e o oposicionista Dr. Leonardo Sá (PPS),
    quase entram em vias de fatos. A confusão começou no final da tumultuada sessão
    do parlamento Pinheirense.
    Os professores da rede pública municipal de
    ensino foram à câmara protesta contra o art. 18 da Lei de Diretrizes
    Orçamentárias (LDO), o referido artigo autoriza o poder executivo a realizar
    revisão do sistema pessoal, particularmente do plano de carreira e salários dos
    professores, contratar e demitir serventuários da educação.
    Após reunião as portas fechadas, entre os
    representantes dos professores e a mesa diretora da câmara, ficaram
    estabelecidas que séria marcada uma reunião entre os representantes dos
    professores, vereadores e da secretaria de educação, para deliberarem as
    questões referentes ao artigo polêmico.
    Contudo, ao retornarem ao plenário da câmara
    para reiniciar a sessão, os edis passaram a dividir o espaço com os docentes,
    que a essa altura já ocupavam várias dependências da casa. Durante a fala do
    líder dos professores a sessão foi interrompida, a presidente Concita alegou
    falta de segurança.

    Após a suspensão dos trabalhos, algumas pessoas
    tentaram utilizar o sistema de som da câmara para se pronunciar, nesse momento
    o vereador Oziel, tentou desligar o sistema de som o que não foi permitido pelo
    vereador Leonardo, gerando um furdunço, caso a turma do deixa disso, não
    chegar-se, o bicho iria pegar.
    Por J. Campos

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!