Logo
  • Voto de Victor Mendes a favor da vaquejada.

    O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou em primeiro turno, nesta quarta-feira (10), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 304/17, do Senado, que não considera cruéis as práticas desportivas que utilizem animais, como a vaquejada, se forem registradas como manifestações culturais e bem de natureza imaterial integrante do patrimônio cultural brasileiro. A PEC foi aprovada por 366 votos a 50 e precisa passar por um segundo turno de votação na Câmara.

    Dos 17 deputados maranhenses, 16 votaram a favor e apenas Eliziane Gama (PPS) votou contra e um Aluísio Mendes (PTN) estava ausente.

    O deputado federal Victor Mendes (PSD), representante da Baixada Maranhense, justificou o voto em favor da vaquejada. O deputado afirmou que a vaquejada é um esporte digno, um esporte decente e não traz maustratos aos animais.

    Veja abaixo a justificativa do voto do deputado Victor Mendes em favor da vaquejada.

    https://www.youtube.com/watch?v=n70sOOdlDxo

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!