Logo
  • Agora Lascou! Prefeito de Peri Mirim anula resultado de Concurso.

    O prefeito de Peri-Mirim,
    João Felipe (PT), que já havia divulgado a lista de classificados no concurso
    público do município, não resistiu à pressão de aliados que não foram
    agraciados, principalmente do presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Rui
    Ribeiro (PR) e da líder do governo na Câmara, Vereadora Rosa Pinheiro (PT), e
    resolveu anular o resultado do concurso, publicado no site do Instituto Graça
    Aranha, responsável pelo certame.
    Em nota divulgada e assinada
    pelo prefeito, no último dia 8, João Felipe diz que o resultado publicado pelo
    Instituto, não corresponde a totalidade de cargos previstos no edital
    001/15
    , e DECRETA:
    Art.1º – Fica
    anulado o resultado do concurso público Nº 001/15, tornando-se sem efeito a
    publicação feita no site
    www.igracaaranha.com.br.
    Art. 2º
    fica extinta a comissão do concurso instituído pelo decreto municipal Nº 05/15,
    mantendo como válidos todos os seus atos, inclusive as provas realizadas, a
    exceção da publicação do resultado final já anulado no artigo anterior.

    O que todo mundo quer
    entender, é como o resultado do concurso pode ser anulado, se as provas
    permanecem em vigor. Mais uma vez João Felipe pisou na bola e pode ter que se
    explicar no ministério público por causa dessa manobra. O certo mesmo, é que
    com a pressão dos aliados, João Felipe vai querer uma lista com os nomes de
    familiares e pessoas indicadas por aliados. Se o resultado foi anulado, é claro
    que as provas também devem ser anuladas. Só na cabeça de um “Petista metido a
    esperto”.

    No art.2º, João Felipe
    coloca como extinção a comissão do concurso público. Agora você sabe quem era o
    presidente da comissão? Simplesmente um parente do prefeito, identificado como
    José João Lopes. Já o presidente da Comissão de Educação na Câmara, vereador
    Valdevino de Jesus Barros (PPS), também conhecido na cidade como Vadico, que
    deveria fiscalizar as ações de João Felipe, é o que mais pressiona o prefeito,
    juntamente com Rui Ribeiro e Rosa Pinheiro, para terem familiares na nova lista
    de convocados de João Felipe. 

    Veja o Documento de anulação abaixo.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!