Logo
  • Arnaldo Melo: governador por 30 dias, ou nada

    Pressionado
    até pela família para bater o pé e ser candidato a governador numa provável
    eleição indireta na Assembleia Legislativa (reveja), o presidente da Casa, deputado Arnaldo Melo
    (PMDB), está agora numa senhora sinuca de bico.
    Depois
    que a governadora Roseana Sarney (PMDB) decidiu que só renuncia mesmo ao
    mandato para ser candidata a senadora se houver consenso em torno do nome de
    Luis Fernando (PMDB) – leia mais aqui –
    para ser seu sucessor nos nove meses restantes de governo, Melo tem à frente
    uma dura decisão a ser tomada.
    Ele deve escolher entre ser
    governador por, pelo menos 30 dias – tempo durante o qual preparará a eleição
    indireta, após assumir o Executivo de forma protocolar -, ou não ter a honra de
    entrar para a história do estado como um de seus comandantes.
    A decisão está nas mãos de
    Arnaldo Melo…
    Do Gilberto Leda.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!