Logo
  • Assentamento em Mirinzal/MA receberá Unidade de Educação Profissional

    O projeto de assentamento Conceição,
    no município de Mirinzal-MA, vai abrigar a primeira Unidade de Educação
    Profissional (UEP) da Região da Baixada Ocidental Maranhense. Para isso foi
    necessário uma parceria entre a Superintendência Regional do Incra no Maranhão,
    o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifma) e a Prefeitura,
    que culminou com a assinatura, no dia 16 de agosto, de um Contrato de Cessão de
    Uso entre o Incra e o Ifma.
    Por esse Contrato o Incra-MA cede uma
    área de cinco hectares no assentamento Conceição para que o Ifma proceda a
    instalação da Unidade, a qual vai atender jovens de nove municípios da Região.
    A estimativa é de que nos próximos quatro anos a UEP esteja atendendo 800
    alunos, pertencentes aos municípios de Mirinzal, Cururupu, Guimarães, Central
    do Maranhão, Cedral, Porto Rico do Maranhão, Serrano do Maranhão, Apicum-Açu e
    Bacuri.
    De acordo com o superintendente do
    Incra-MA, José Inácio Rodrigues, a UEP proporcionará aos jovens o acesso à
    educação técnica e tecnológica, voltada para a realidade local, além de
    fixá-los em seus municípios sem que eles tenham que sair para estudar em outras
    Regiões. “Essa Unidade vai garantir não só aos assentados, mas a centenas de
    outros jovens e adultos, uma ampla melhoria na qualidade do ensino,
    assegurando-lhes um futuro mais promissor”, afirmou.
    Para instalação da UEP o Ifma tomou
    algumas providências, entre elas, a sondagem do terreno, o levantamento
    planialtimétrico da área, a licença ambiental, que são atividades necessárias
    para abertura do processo licitatório, que contratará empresa para a construção
    da Unidade.
    Segundo o  Reitor do Ifma, Roberto Brandão, a cidade de
    Mirinzal foi escolhida para instalação da UEP devido a sua localização, por se
    constituir um eixo rodoviário na área e estar muito próximo dos outros
    municípios. Ele falou ainda da importância 
    da obra para a localidade: “Essa Unidade trará melhoria na qualificação
    profissional com reflexo na prestação de serviços e, consequentemente, na
    geração de trabalho e renda, com repercussões positivas em toda a Região”.
    Para o Prefeito de Mirinzal, Amaury
    Santos Almeida, essa é a maior obra da Região. “Não tem um investimento melhor
    do que esse na Baixada. Solicitamos a área para a instalação da Unidade e o
    Incra-MA prontamente cedeu”, afirmou. A contrapartida da Prefeitura envolverá,
    a princípio,  a parte de infraestrutura
    básica para funcionamento da UEP, como instalação de rede elétrica, rede de
    água, transportes, entre outros.
    A UEP
    De acordo com
    informações do  diretor de
    Desenvolvimento Institucional do Ifma, 
    Agenor Almeida Filho,  a Unidade
    de Educação Profissional a ser instalada em Mirinzal trata-se de um “modelo
    reduzido” da configuração Campus. Atualmente estão autorizadas também as UEP’s
    de Porto Franco e Carolina-MA. A UEP/Mirinzal, está em processo e os recursos
    estão assegurados no orçamento do instituto. A Unidade terá
    várias dependências, entre elas, oito salas de aula, quatro laboratórios,
    Auditório, Biblioteca, Setor Administrativo, Setor Pedagógico e Quadra
    Poliesportiva.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!