Logo
  • Com uma Administração voltada para população, Bequimão comemora 80 anos de emancipação política

    Quando a banda da Escola de Música tocou o Hino de Bequimão, centenas de
    crianças e adolescentes encheram o peito e cantaram bem alto a letra que exalta
    as riquezas naturais do município, a força de seu povo, o padroeiro Santo
    Antônio e o progresso que se constrói caminhando juntos. Foi a esses jovens,
    cheios de esperança, que o prefeito Zé Martins dirigiu as palavras que
    encerraram seu discurso, no aniversário de 80 anos de Bequimão, celebrado na
    sexta-feira (19).
    “Eu olho para essas crianças que estão à nossa frente e fico
    feliz de deixar um legado que será decisivo para que elas continuem a história
    do nosso município, com dignidade, orgulho e autonomia”, assegurou o prefeito,
    referindo-se aos avanços conquistados em Bequimão nos dois anos e meio de sua
    administração. Ele destacou as ações que estão promovendo desenvolvimento
    social, humano e na infraestrutura local.
    Os mais expressivos investimentos da gestão de Zé Martins, que
    já conquistou o reconhecimento da população, foram a inauguração do Hospital
    Lídia Martins, com 20 leitos; o asfaltamento das ruas do Centro, Cidade Nova e
    Ferro de Engomar; e a recuperação de aproximadamente 300 km de estradas
    vicinais. “Começamos o nosso trabalho por aquilo que consideramos mais
    emergencial”, afirmou.
    Também teve melhorias na educação. Segundo o prefeito, está
    sendo finalizada a construção de uma escola de seis salas, no bairro Ferro de
    Engomar; outra de quatro salas está sendo erguida no povoado Monte Alegre e no
    Marinho será feita uma no mesmo padrão. As demais escolas do município passaram
    por reformas e os professores estão fazendo cursos de formação continuada, como
    o de Educação Escolar Quilombola, promovido em parceria com o IFMA. Zé Martins
    anunciou, ainda, a construção de seis escolas de duas salas no Balandro, Vila
    Nova, Boa Vista, Frechal, Santa Tereza e Rio Grande.
    Nos primeiros dois anos de mandato, foram revitalizadas as
    manifestações culturais do município, principalmente no carnaval e São João,
    além do esporte, que voltou a ganhar vigor, em especial, no futebol. Outra
    importante ação citada por Zé Martins, em seu discurso, foi a implantação da
    Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas. “Estamos contando com todo apoio do
    Sebrae e do seu superintendente, João Martins, que é filho desta terra e ama
    Bequimão como nós também amamos”, disse, emocionado.
    Zé Martins comentou ainda sua participação no Fórum da Baixada
    Maranhense, uma articulação de diversos agentes públicos que está buscando
    melhorias, em conjunto, para a região. Ele apontou, também, as prioridades de
    sua administração para os próximos anos: abastecimento de água, construção de
    moradias e investimento na agricultura familiar. “Estamos lutando para que, de
    verdade, o povo de Bequimão viva num lugar melhor e consiga a emancipação que
    tanto precisa, ganhando seu dinheiro e vivendo em paz com sua família. O
    desenvolvimento social e humano chegou a Bequimão”, garantiu o prefeito.
    Comemoração

    A programação em comemoração aos 80 anos de emancipação política
    de Bequimão começou cedo, com uma queima de fogos, às 5h. Mais tarde, já se
    ouvia a marcha militar executada pela banda da Escola de Música, para o desfile
    dos estudantes das escolas públicas e particulares do município. Em frente à
    Prefeitura Municipal, foram hasteadas as bandeiras do Brasil, Maranhão e de
    Bequimão, pelo prefeito Zé Martins, o presidente da Câmara Municipal, Jorge do
    Paricatíua, e o secretário de Educação, Aristides Amorim.
    Após o pronunciamento do prefeito, a população cantou o
    “parabéns” e foi feita a partilha do bolo. Zé Martins deu o primeiro pedaço ao
    seu pai, o ex-prefeito Juca Martins, em reconhecimento ao importante papel que
    ele desempenha na história de Bequimão.
    Cavalgada e Competições
    esportivas

    Pelo terceiro ano, foi realizada uma cavalgada, reunindo
    vaqueiros de Bequimão e de outros municípios vizinhos. Eles passaram pelas
    ruas, exibindo seus cavalos e demonstrando a força do setor agropecuário local.
    Mas um vaqueiro se destacou, montando um búfalo.
    Houve, ainda, competições na maratona masculina e feminina e no
    ciclismo. A maior delegação foi a do povoado Sol Nascente, que sempre tem
    grande participação nas disputas esportivas bequimãoenses. Os três melhores de
    cada modalidade receberam R$ 700, R$ 500 e R$ 300, para os que ficaram em 1º,
    2º e 3º lugares, respectivamente.

    A programação continuou durante todo o dia, com gincana, partida
    entre a seleção de Bequimão e o Sampaio e atrações culturais na praça. A
    programação foi organizada pela Secretaria Municipal de Cultura e Promoção da Igualdade
    Racial, liderada pela secretária Dinha Pinheiro, e com apoio das secretarias de
    Administração e Transportes e Esporte e Juventude.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!