Logo
  • Deputado Wellington propõe diálogo para por fim à greve dos policiais civis

    O
    deputado Wellington do Curso (PPS) participou, na tarde desta terça-feira (4),
    de uma reunião entre os representantes do Sindicato dos policias civis do
    Maranhão (SINPOL) e a Comissão de Segurança Pública da Assembleia para discutir
    assuntos referentes à greve dos civis, anunciada na tarde de ontem (3).
    A
    reunião aconteceu no Plenarinho da Casa Parlamentar e contou com a presença do
    deputado Júnior Verde (PRB), do presidente e vice-presidente do SINPOL, Heleudo
    Moreira e Fabrício Magalhães, respectivamente, e policiais grevistas.
    Os
    policiais, que estão no segundo dia de greve, reivindicam uma política de valorização
    da categoria, a retirada de presos das delegacias, além do aumento do efetivo e
    o
    pagamento retroativo do piso salarial em no máximo três parcelas, referente ao
    período de janeiro a julho e, de acordo com o presidente do Sindicato, o
    governo do Estado ainda não se posicionou sobre o assunto.

    Ao
    fazer uso da palavra, o parlamentar, que desde o início do seu mandato sempre
    defendeu a Segurança Pública, se colocou à disposição das categorias em greve e
    propôs o diálogo dos civis com o Governo.
    “Como
    representante do povo e da segurança pública, independente de querelas
    políticas, o meu posicionamento é e sempre será em defesa dos policiais, da
    segurança publica, da sociedade e nesse momento não será diferente.
    A greve de vocês é legítima, justa, pois é por anseios não atendidos. Uma das
    maiores preocupações que permeia a realidade atual é a (in)segurança pública.
    Reafirmo o meu compromisso com a categoria para que juntos possamos mediar, de
    forma conciliatória, essa possível negociação com o governo do Estado. Defendo
    que o diálogo seja reaberto e nós possamos encontrar uma saída para a segurança
    do Maranhão. A minha voz é a voz de vocês no Parlamento”, enfatizou o
    deputado Wellington.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!