Logo
  • Diocese de pinheiro guardava R$ 500 Mil enviados pelo vaticano

    Com a operação da polícia que desarticulou um bando que pretendia
    assaltar um banco e a diocese em Pinheiro, um fato despertou a
    curiosidade: o dinheiro que a igreja guardaria em seus porões: R$ 500
    mil.


    A agência bancária que seria assaltada, evidentemente, guarda
    dinheiro e só movimenta pelos seus caixas somas maiores quando é
    previamente informada de grande saques ou em dias do pagamento dos
    funcionários públicos.


    Mas o que fazia uma pequena igreja com R$ 500 mil enviados pelo
    Vaticano? Qual seria a destinação dos recursos. E por que o dinheiro não
    foi depositado em um cofre mais seguro e com seguro para roubos?


    O pior ainda é que um irmão do padre de Pinheiro, preso na operação,
    tinha as informações de que o 
    dinheiro estaria lá, nos porões da igreja.
    E que lhe passou tais informações? Coisas que a polícia deve investigar


    fonte: blog do luis cardoso

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!