Logo
  • E tome bomba! Ex-candidato a vereador de São Luis que faturou quase meio milhão em contratos na prefeitura de Pinheiro é assalariado da educação

    Empresário Bruno Mezenga faturou R$ 457.000,00 em contratos e ainda recebe R$ 2.197,87 como coodenador de educação na secretaria de educação de Pinheiro

    Os dados coletados na página da Prefeitura de Pinheiro na internet (Portal da Transparência, seção Folha de Pagamento) continuam rendendo e trazendo a tona inúmeros atos ilícitos realizados pelo gestor municipal.

    O prefeito passou por cima até da Lei de Licitação e contratou empresário em empresa para prestar serviço no município de Pinheiro.  De acordo com a Lei 8666 Art. 9o Não poderá participar, direta ou indiretamente, da licitação ou da execução de obra ou serviço e do fornecimento de bens a eles necessários:

    I – o autor do projeto, básico ou executivo, pessoa física ou jurídica;

    II – empresa, isoladamente ou em consórcio, responsável pela elaboração do projeto básico ou executivo ou da qual o autor do projeto seja dirigente, gerente, acionista ou detentor de mais de 5% (cinco por cento) do capital com direito a voto ou controlador, responsável técnico ou subcontratado;

    III – servidor ou dirigente de órgão ou entidade contratante ou responsável pela licitação.

    Em Pinheiro o Sr. Bruno Américo Mezenga de Oliveira proprietário da empresa    CAREMA COMÉRCIO DE COMBUSTÍVEL LTDA, inscrita no CNPJ sob o n.º 13.480.349/0001-10, com sede na     Rod. BR 135, s/n, Centro – Santa Rita (MA) atualmente denominada SIMPLES PROJETOS E ORGANIZAÇÕES além de ter faturado contratos que somados chegam a quase meio milhão de reais ainda  recebe pela Secretaria Municipal de Educação como coordenador  o valor de R$ 2.197,87 (dois mil cento e noventa e sete reais e oitenta e sete centavos) supostamente nomeado no cargo de coordenador.

    O curioso é que o Sr. Bruno nunca foi visto por estas bandas e muito menos prestando serviços na secretaria de Educação do município.

    A referida empresa celebrou contrato com o Município de Pinheiro (Processo nº 1598/17 – Processo Licitatório Pregão Presencial PP 001/17 – SRP) no valor de R$ 457.000,00 (quatrocentos e cinquenta e sete mil reais) para a realização das seguintes festas na municipalidade: Dia do trabalhador no valor de R$ 49.500,00, Aniversário da cidade no valor de R$ 321.000,00 e  Réveillon no valor de R$ 86.000,00.

    A denúncia da irregularidade será apresentada ao Ministério Público junto ao outra série de denuncias.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!