Logo
  • Grupo ligado a ex-prefeito toca fogo na casa do prefeito de Apicum-Açu

    O prefeito do município de Apicum-Açu do Maranhão,
    Claudio Cunha, denunciou ao Blog do Luis Pablo que um grupo ligado ao
    ex-prefeito Cecé Monteiro teria tocado fogo, ainda pouco, na sua residência.
    Segundo o
    atual prefeito, foram cinco pessoas que invadiram sua casa e colocaram fogo em
    todos os móveis. “São cinco marginais ligados ao ex-prefeito [Cecé
    Monteiro] que colocaram fogo na minha casa”.
    Entre os
    supostos envolvidos estão ex-secretários que trabalharam na administração
    passada. 
    Claudio
    Cunha disse que não há nenhum envolvimento da população e que está com todo
    material que comprova a participação dessas pessoas ligadas ao ex-prefeito. Ele
    disse ainda que vai entregar fotos e vídeos para polícia, comprovando a
    veracidade dos fatos.
    Sobre o
    assassinato ocorrido ontem, dia 16, que chocou a população de Apicum-Açu, o
    prefeito falou que já comunicou para a polícia e ao Judiciário para que os
    culpados pagem pelo crime que cometeram e aproveitou para acusar também o
    ex-prefeito Cecé Monteiro de se aproveitar do crime que aconteceu na cidade
    para fazer campanha.
    José
    Claudionor Neto, sobrinho do prefeito Claudio Cunha, continua foragido. Ele é
    acusado de executar a tiros Gilvandro Monteiro Fonseca, conhecido como ‘Tô’, de
    34 anos.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!