Logo
  • Leonardo Sá troca (PPS) pelo (PDT) e pode perder o mandato por infidelidade partidária.

    O vereador Leonardo Sarnento
    Pires deixou o (PPS) e se filiou no (PDT), segundo informações que chegam ao blog
    o ato aconteceu na capital São Luis a convite do Deputado Federal Weverton Rocha.
    Em 2007, a Resolução
    22.610 do TSE definiu quatro hipóteses em que parlamentares podem mudar de
    partido sem perda do mandato. De acordo com o tribunal, é justa causa para
    desfiliação partidária a criação de partido, incorporação ou fusão de partido,
    mudança ou desvio do programa partidário e discriminação pessoal o que não foi
    o caso do Vereador Leonardo.
    Agora cabe ao 1º suplente
    da coligação em Pinheiro, Albininho (PSB) ingressar na justiça pedindo a perda
    do mandato do parlamentar por infidelidade partidária já que o partido deve não
    se manifestar.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!