Logo
  • Mais de 40 pessoas foram mortas pela polícia e cinco policiais foram assassinados em 2020 no Maranhão

    Dados do Monitor da Violência apontam que o Maranhão registrou, em 2020, 41 pessoas mortas por policiais. Quantos aos casos de policiais mortos, cinco foram registrados no mesmo ano. Os números se referem a policiais civis e militares, estando ou não em serviço.

    O levantamento aponta que, das 41 pessoas que morreram em confronto com policiais no Maranhão, 40 foram mortas por policiais em serviço e 1 por policial de folga. Esses números representam uma taxa de mortalidade de 0,6% no estado.

    Já dos cinco policiais mortos, um morreu em serviço e 4 fora de serviço.

    Os dados sobre vitimização e letalidade policial, inéditos, fazem parte de um levantamento exclusivo feito pelo G1 dentro do Monitor da Violência, uma parceria com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

    Foram solicitados os casos de “confrontos com civis ou lesões não naturais com intencionalidade” envolvendo policiais na ativa. Os pedidos foram feitos para as secretarias da Segurança Pública dos 26 estados e do Distrito Federal por meio da Lei de Acesso à Informação e das assessorias de imprensa. Apenas Goiás se recusou, mais uma vez, a passar as informações.

    Do G1 MA

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!