Logo
  • Mulher é presa em Zé Doca com mais de 30 pedras de crack escondidas dentro da “xereca”.

    Neguinha “xerecuda”
    Maria de
    Jesus Silva da Cruz, vulga “Neguinha”, aproximadamente 28 anos, foi
    presa pela Polícia Civil na tarde de ontem (terça-feira), 5, no município de Zé
    Doca com mais de 30 pedras de crack escondida na vagina. 
    A prisão
    ocorreu no final da tarde na casa da acusada na Rua Colinas no Bairro São
    Francisco, depois que os investigadores da PC Sâmia, Mex, Cléber e Rafael,
    coordenados pelo Delegado Regional Dr. Jader Alves receberam a informação de
    que Neguinha estava vendendo entorpecentes em sua residência.
    De posse das
    informações, os investigadores entraram na casa da acusada e após a revista
    realizada pela investigadora Sâmia, foi encontrada 31 cabeças da droga enrolada
    em um saco plástico escondido na vagina.
    Com a
    acusada foram apreendidos ainda mais de R$ 700 reais em espécie e mais dois
    celulares.
    Neguinha
    recebeu voz de prisão por tráfico de drogas agravado, sendo que a mesma já
    tinha passagem pela polícia também por tráfico de drogas. Ela foi recolhida à carceragem
    da Delegacia Regional de Zé Doca onde permanecerá presa à disposição da
    Justiça.
    De acordo
    com o Delegado Dr. Jader Alves, a moça havia sido presa em flagrante no final
    do ano passado também por tráfico de drogas. 

     

    Parte da droga estava dentro da “xereca de Neguinha

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!