Logo
  • Nova geração de vice-prefeitos na Baixada

     As eleições 2012 trouxe uma grata novidade que foi
    a eleição de jovens vice-prefeitos, a começar pela capital São Luis, que
    consagrou nas urnas uma chapa juvenil nas pessoas de Edivaldo Júnior e o seu
    vice, Roberto Rocha.
    Outras chapas vencedoras também contemplaram uma
    nova geração de políticos eleitos vice-prefeitos, como ocorreu, por exemplo, na
    Baixada Maranhense.
    Na cidade de Pinheiro, o bancário César Soares (PT)
    foi eleito vice-prefeito, e os advogados Isaac Filho (PTB) e Oliveira Junior
    (PRB)
    , também alcançaram o posto de vice em São Bento e Viana,
    respectivamente.
    Eles têm em comum, a juventude, a vontade de trabalhar pelos seus
    municípios, auxiliando seus respectivos prefeitos e, principalmente, lutar pelo
    desenvolvimento econômico e sustentável de uma das regiões mais carentes do
    estado, que é Baixada Maranhense.
    Em recente Seminário promovido pelo FAMEM, no auditório
    da Fiema, os jovens líderes se reuniram e decidiram lutar pela constituição de
    um Consórcio Intermunicipal para a região, além da criação da inovadora
    Associação dos vice-prefeitos do estado, a exemplo de entidades similares
    existentes em outros estados.
    A iniciativa é boa, pois já foi o tempo que a
    função de vice era somente torcer pela morte do titular do cargo. Os vices,
    antes de tudo, podem e devem ser um dos principais auxiliares do chefe do
    executivo, um verdadeiro companheiro político e de gestão.
    Mas, como manda a liturgia do cargo, os vices nunca
    devem esquecer que eles são apenas isso: vice.
    Portanto, nada de querer concorrer com quem de fato
    foi eleito para comandar a cidade.
    O blog deseja sucesso aos jovens vice-prefeitos
    eleitos.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!