Logo
  • Obra na MA-106 atende demanda histórica de moradores da Baixada Maranhense

    Obra na MA-106 atende à demanda histórica de moradores da Baixada Maranhense

    As obras de requalificação do Grande Eixo da MA-106, que liga Cujupe à Governador Nunes Freire, foram iniciadas na última terça-feira (29), em Pinheiro, logo após a Assinatura da Ordem de Serviço pelo governador Flávio Dino e o secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto.

    São R$ 11,7 milhões em investimentos para melhoramento e sinalização de 186 quilômetros da rodovia estadual. Os serviços consistem em duas frentes de trabalho: uma de Pinheiro até Cujupe e a outra de Pinheiro até Governador Nunes Freire.

    “Nós já iniciamos a requalificação e a restauração do trecho que vai do Porto do Cujupe até Governador Nunes Freire”, diz Clayton Noleto. “São ações que se somam a outras, como a restauração que estamos fazendo entre Vitória do Mearim e Três Marias”, acrescenta.

    De acordo com Noleto, assim como na Baixada Maranhense, a atual gestão trabalha intensamente em todas as regiões do Estado para elevar a qualidade de vida da população. O investimento beneficia não só vários municípios da Baixada como facilita o acesso interestadual ao estado do Pará, como observa o morador de Pinheiro, Vandoval Rodrigues: “É uma obra de grande importância não só para Pinheiro como para todas as cidades da região”.

    “A estrada interliga vários municípios como Pinheiro a Bequimão, Peri Mirim, Palmeirândia e também as cidades de Santa Helena e Governador Nunes Freire. É uma obra de extrema importância”, afirma Vandoval. O Grande Eixo da MA-106 também é importante para o escoamento da produção agropecuária, da piscicultura e da criação de bubalinos, que é forte na região. O trecho ainda é bastante utilizado para o abastecimento de produtos alimentícios.

    José Maria, que trabalha há 20 anos transportando sal de Pernambuco para a Baixada, aprova a iniciativa. “É uma boa ideia. Eu tenho negócio, vivo viajando e agora vai ficar melhor. Eu trabalho carregando sal, pego no Mossoró para vender aqui na Baixada”, explica.

    José Maria, que trabalha há 20 anos transportando sal de Pernambuco para a Baixada, aprova a iniciativa

    Maria do Carmo Cardoso também se mostra animada com a recuperação da rodovia: “Estamos realmente ganhando um presente e temos que levar a sério o trabalho de um governo que se preocupa com a gente. É muito bom poder andar numa estrada que vai beneficiar todos nós”.

    Mais investimentos

    O Governo do Maranhão investe na melhoria da mobilidade na Baixada Maranhense com obras em outras estradas e a construção de pontes interligando regiões. Além da requalificação de trecho da MA-106, estão em andamento obras em dois trechos da MA-014: Vitória do Mearim à Três Marias e Pinheiro ao povoado Pacas.

    Também neste dia 29, o governo entregou a Ponte do Balandro no município de Pinheiro e está construindo a Ponte sobre o Rio Pericumã, que ligará a cidade de Central do Maranhão à Bequimão.

    A obra, de enorme complexidade por causa das condições do solo e da água, já está na finalização do estudo de solo para colocação das estacas de sustentação de ponte, que poderão chegar de 20 a 40 metros, a depender do ponto do rio. São 589 metros de extensão e R$ 68 milhões em recursos.

    Segundo Maria do Carmo, a nova estrada é um presente para a população.

    Os impactos serão profundos para os moradores das duas regiões, com a possibilidade de escoamento da produção pesqueira e agrícola. A ponte também diminuirá a distância entre Bequimão e Central em aproximadamente 150 quilômetros, ajudando a fortalecer o turismo ao facilitar o acesso ao Litoral Ocidental Maranhense.

    Com a redução do percurso, ficará mais fácil chegar às cidades de Apicum-Açu, Bacuri, Serrano do Maranhão, Cururupu, Porto Rico, Cedral, Guimarães e Mirinzal, melhorando a mobilidade na região e também o acesso até o Pará.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!