Logo
  • Operações da Polícia Civil no interior do Maranhão contabilizam mais de 1,3 mil prisões

               Operações resultaram em prisões e apreensões em cidades do interior

    Um total de 1.372 prisões foi realizada pela Polícia Civil do Maranhão, em operações no interior do estado, de janeiro a abril deste ano. Os números são relatório divulgado pela Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), referente aos quatro primeiros meses do ano. Além das prisões, a polícia realizou apreensão drogas, armas de fogo e itens diversos.

    Das prisões, um total de 577 são decorrentes de autos de prisão em flagrante; 534 do cumprimento de mandados de prisão preventiva; 90 de mandado de prisão definitiva; 85 de temporárias; 35 são prisões civis; 30 de internação provisória; 12 flagrantes; e nove, mandados de recaptura. Nas apreensões, somaram 239 armas de fogo, além de munições de vários calibres, drogas, celulares, veículos e dinheiro.

    “Os resultados decorrem das várias ações policiais que realizamos nos municípios do interior do Maranhão. Conseguimos tirar grupos criminosos de circulação. Mesmo em cenário de pandemia, nossas equipes não mediram esforços e souberam se organizar, para cumprir sua missão social”, pontuou o delegado titular da SPCI, Guilherme Campelo. Nas ações, apoio das delegacias regionais e municipais, do Grupo de Pronto Emprego (GPE), Polícia Militar e demais superintendências da Polícia Civil.

    No mês de abril, os policiais da SPCI conseguiram prender 331 pessoas por atos criminosos diversos, destes, 42 referem a crimes contra a vida. No mesmo mês, 66 armas de fogo foram apreendidas, várias munições, veículos e cargas roubadas. Entre as várias operações, destaque para a operação Pessach, executada em 27 de abril, na cidade de Lago da Pedra.

    O trabalho da operação Pessach teve como foco combater o crime organizado, o tráfico de drogas e o comércio ilegal de arma de fogo e munições. Na ocasião, foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão, além de quase sete mil reais em dinheiro apreendidos.

    Operações resultaram em prisões e apreensões em cidades do interior

    Em operação no município de Lago dos Rodrigues, um homem foi preso em flagrante, suspeito de vender armas e munições. Com ele a polícia apreendeu várias armas de diversos calibres. Dia 9 de abril, em Imperatriz, a polícia neutralizou grupo criminoso que atuava no tráfico de drogas. Aproximadamente 20 quilos de maconha prensada e 400 gramas de cocaína foram apreendidos. A droga estava escondida em um dos cômodos da residência, dentro de um frigobar.

    Na operação Vila Velha, dia 30 de abril, em Barra do Corda, a polícia recuperou carga roubada, avaliada em 200 mil reais e prendeu em flagrante três empresários, pelo crime de receptação qualificada. Uma grande operação em Miranda do Norte, para combater o tráfico de drogas na região, a polícia cumpriu seis mandados de busca e apreensão, quatro e prisão temporária e oito flagrantes.

    Denúncias

    A SPCI conta com perfil oficial no Instagram (spcipcma); serviço de WhatsApp (98 98422-5028) para denúncias de todos os tipos de crimes. O sigilo do denunciante é garantido e não é necessário identificação de quem denuncia. A polícia recebe vídeos, fotos e documentos. O serviço funciona 24 horas por dia, em todo Estado.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!