Logo
  • Othelino sai em defesa de Edivaldo Jr e cobra do governo convênios para São Luís

    O
    deputado do PCdoB disse que governo do Estado castiga São Luís ao não
    estabelecer convênios e parcerias

    O deputado
    estadual Othelino Neto (PCdoB) saiu em defesa do prefeito de São Luís, Edivaldo
    Holanda Jr, após críticas feitas à atual gestão municipal pelo tucano Neto
    Evangelista, na sessão desta quarta-feira (26). O parlamentar disse que as
    promessas de campanha estão sendo cumpridas, passo a passo, e cobrou do governo
    do Estado convênios para obras e ações na capital maranhense.
    Segundo
    Othelino Neto, o governo do Estado firma convênios com 85% ou 90% das
    prefeituras, no Maranhão, mas com São Luís, que é a maior cidade maranhense,
    por uma razão óbvia do prefeito pertencer ao grupo de oposição, o Executivo se
    recusa a fazer qualquer parceria.
    Além disso,
    de acordo com Othelino Neto, o Governo Federal tem uma prática
    descentralizadora que cria sérias dificuldades financeiras para todas as
    administrações, todas as prefeituras. “Isso aí todos os prefeitos estão
    sentindo”, frisou o deputado.
    Em uma
    resposta direta a Neto Evangelista, Othelino disse que não dá para
    desqualificar a mudança que vem acontecendo em São Luís e que a gestão do
    prefeito Edivaldo Holanda Júnior vem demonstrando, concretamente, que já está
    honrando, sim,  compromissos assumidos em campanha eleitoral.
    “Claro que
    tem muita coisa ainda para cumprir. Mas o prefeito Edivaldo Holanda Júnior
    disse que, a partir do dia 1º de janeiro de 2013, começaria a honrar os seus
    compromissos de campanha e assim ele vem fazendo”, afirmou Othelino Neto.
    Programa do
    Leite 
    Sobre o
    Programa do Leite, iniciado na gestão do ex-prefeito João Castelo, Othelino
    garantiu que Edivaldo Holanda nunca negou a importância da ação, tanto que
    assumiu como compromisso de campanha mantê-lo e ampliá-lo, o que vem sendo
    feito aos olhos de todos. Segundo o deputado, infelizmente, por problemas
    burocráticos, o benefício teve um período de suspensão porque o processo
    licitatório foi judicializado, mas agora 130 mil alunos de São Luís já estão
    recebendo o produto.
    “Ao se
    deparar até com problemas que não imaginava encontrar, Edivaldo tem conseguido,
    na base do diálogo e da negociação transparente com todos os segmentos,
    sobretudo com a sociedade, soluções concretas”, enfatizou Othelino Neto.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!