Logo
  • Pinheiro: Orientados pelo executivo, vereadores reprovam requerimento que pede cópias de contratos e licitações.

    A Câmara Municipal de Pinheiro rejeitou o Requerimento nº 007/2017, de autoria do vereador Valter Soares (PV), que solicitava informações sobre o processo licitatório e contrato celebrado entre a Prefeitura de Pinheiro e a empresa de Transporte Escolar e fornecimento de Merenda Escolar. Sete vereadores da base do prefeito votaram contra o pedido.

    O autor do Requerimento solicitava a Secretária Transparência do município, Daciane Pereira Fernandes que é irmã do vereador Lucas do Beiradão também da base do governo, o envio de cópia dos Processos Licitatórios a casa legislativa.  “Essas informações são importantes para dar transparência e saber o que está sendo feito com o erário”, explicou Valter Soares.

    O documento entrou na pauta de votação na sessão da manhã desta quarta-feira, 03. Antes dos parlamentares deliberarem sobre o requerimento os vereadores da base de sustentação ao governo foram orientados rejeitar a proposta.

    Os vereadores ligados ao prefeito municipal, deixaram de lado uma das atribuições do edil que é de fiscalizar os atos do Prefeito. Se os vereadores foram orientados a reprovar o requerimento, ficam evidentes as suspeitas de fraudes nos contratos celebrados pela prefeitura de Pinheiro e tais empresas.

    Votaram contra o Requerimento os vereadores: Sandro Lima (PCdoB), Rubemar (PMDB), Paulinho (PMN), Riba (PDT), Albininho (PCdoB), Capadinho (PMDB) e Alessandro (PP).

    O vereador Valter, irá judicializar o pedido.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!