Logo
  • Pinheiro: vereador acusado de formação de quadrilha pode perder o mandato.

    Vereador, Carlos Aberto Soares Reis (Beto de Ribão) PSD

    Vereador, Carlos Aberto Soares Reis (Beto de Ribão) PSD

    O vereador, Carlos Aberto Soares Reis (Beto de Ribão) PSD, leu na tribuna da Câmara Municipal de Pinheiro na manhã desta quarta-feira, 27, duas ações contra o vereador, José Lucas Fernandes (Lucas do Beiradão) PSDB. Ambas com o mesmo teor, foram movidas pela Procuradoria Geral do Município, e protocoladas na Delegacia Regional da cidade de Promotoria Pública.

    De acordo com o documento, o vereador Lucas do Beiradão, teve participação ativa na depredação do patrimônio público no último dia 21 de abril, onde incentivou, organizou e patrocinou a depredação do matadouro público da cidade de Pinheiro.

    Lucas é acusado de incentivar, organizar e patrocinar a depredação do matadouro público da cidade de Pinheiro.

    Lucas é acusado de incentivar, organizar e patrocinar a depredação do matadouro público da cidade de Pinheiro.

    De acordo com o teor do documento, relatos de populares, afirmam que o vereador, comprou gasolina, para incendiar o local. O crime cometido pelos vândalos, foi premeditado, e propagado. Sabendo da ação de vandalismo, o administrador do local, Sr. Manoel Ferreira Mendes (Manoel da Brahma), registrou um B.O na Delegacia Regional da cidade, horas antes.

    Vereador, José Lucas Fernandes (Lucas do Beiradão) PSDB.

    Vereador, José Lucas Fernandes (Lucas do Beiradão) PSDB.

    Pelas provas coletadas e apresentadas, o vereador Lucas do Beiradão, cometeu vários crimes, além de causar danos ao patrimônio Público Municipal. Os indícios revelam, prática dos crimes de dano qualificado, incêndio qualificado, incitação ao crime de formação de quadrilha, e outros.

    Além das ações movidas pela Procuradoria Geral do Município, o vereador, Lucas do Beiradão, ainda está sujeito a perda do mandato, a qualquer momento a Câmara Municipal de Pinheiro, pode receber um pedido de cassação do vereador.

    O prejuízo causado ao município pela ação dos vândalos é de no minimo trezentos mil reais. Abaixo os documentos protocolados pela Procuradoria Geral do Município,  em desfavor do vereador Lucas.

    prm1dele1v1v2v3

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!