Logo
  • Prefeito de Bequimão denuncia maldades de Flávio Dino.

    zemO prefeito de Bequimão, Zé Martins, desmascarou o vereador Elanderson Pereira, que insiste em dizer que o Governo do Maranhão está fazendo repasse de recursos para manutenção do Hospital Lídia Martins. O vereador, que tenta se projetar a qualquer custo como candidato a prefeito, vem repetindo essa mentira. Fez isso em discurso na Câmara Municipal de Bequimão e em seus canais de comunicação.

    Durante a audiência pública sobre Segurança Pública, realizada nesta quinta-feira (09), Zé Martins desmentiu o vereador e reafirmou que Bequimão não tem recebido verba estadual para a saúde. “O dinheiro que o Estado deve ao município são 11 meses. Aproximadamente, R$ 1.100.000,00 (um milhão e cem mil reais). Isso é desumano! Isso é desumano com uma comunidade como é Bequimão!”, denunciou o prefeito.zm

    O prefeito contou que, constantemente, tenta uma reunião com o atual secretário estadual de Saúde, Carlos Eduardo de Oliveira Lula, mas sem sucesso. “Depois que ele entrou, já tentei falar com ele e não consigo. Falei com uma doutora chamada Cláudia. Ele ligou para Abdon e disse: ‘eu não estou, mas diz para Martins procurar Cláudia que ela me dá um retorno’. Há mais de 15 dias e nem retorno ela deu”, ressaltou.

    Com essa situação, a Prefeitura Municipal de Bequimão tem utilizado recursos próprios para continuar garantindo a prestação de serviço de qualidade em saúde. “Eu sou um credor do Governo do Estado. Isso não se pode. A ordem se inverteu. Eu que ajudo o Governo do Estado, quando o Governo do Estado que deveria ajudar Bequimão. O que é isso? Pelo amor de Deus!”, desabafou Zé Martins.

    Ele ainda denunciou a falta de ajuda do Governo do Estado ao transporte escolar. “Aqui tem mais de mil alunos do Governo do Estado e eu não recebo um centavo sequer”, frisou. A Farmácia Básica do estado, instalada em Bequimão, também estava sem receber medicamentos há 8 meses. Mais uma vez, a Prefeitura precisou suprir aquilo que era obrigação do governo estadual.

    “Essas pessoas que criticavam que o hospital não estava sendo feito, que não estava sendo inaugurado, agora nenhum deles escreve uma linha para dizer para o Governo do Estado pagar o dinheiro que deve pra manutenção do hospital”,

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!