Logo
  • Presidente da CDL de Pinheiro representa Baixada Maranhense no lll Fórum Nacional do Comércio, em Brasília.

    Empresário, políticos e lideranças do setor varejista se reuniram durante dois dias, em Brasília, para discutir os principais gargalos do setor de comércio e serviços e a retomada do crescimento econômico. O III Fórum Nacional do Comércio, evento promovido pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pela Câmara de Dirigentes Lojistas do Distrito Federal, nos dias 23 e 24 no Royal Tulip.

    Criado em 2013 pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), o Fórum Nacional do Comércio objetiva criar momentos de discussão sobre a economia do País, além de ampliar o debate para a esfera política, econômica e institucional, com o firme propósito de submeter ao poder público propostas que redirecionem a política econômica para assegurar maior competitividade às empresas dos setores de Comércio e Serviços.

    Para o presidente da CDL de Pinheiro que representou a Baixada Maranhense, Wanderley Pinheiro, o encontro foi uma oportunidade para discutir os novos rumos do varejo. “A retomada gradativa da economia e o crescimento do varejo andam juntos no Brasil. Por isso é tão importante traçar estratégias e alinhar expectativas para o futuro”, destacou Wanderley.

    Com 27 Federações Estaduais e mais de 1.500 Câmaras de Dirigentes Lojistas em todo o Brasil, o Sistema CNDL incentiva suas empresas associadas a participarem do III Fórum Nacional do Comércio, visando adquirir o conhecimento de novas técnicas utilizadas para fomentar os negócios, a troca de informações e experiências melhorando ainda mais a articulação institucional.

    Objetivos do Fórum

    – Promover o desenvolvimento dos negócios do varejo no país;

    – Debater o Comércio Brasileiro trazendo líderes do Varejo e dirigentes de todo o Brasil;

    – Disseminar informações inovadoras para que as empresas lojistas possam melhorar o seu desempenho;

    – Contribuir para ampliação do conhecimento, troca de informações, capacitação e fortalecimento das lideranças;

    – Fornecer canais para melhorar a performance organizacional, acrescentando resultados na sua produtividade com a melhor utilização de recursos visando situações de prosperar no futuro;

    – Tornar-se referência como ferramenta de apoio ao autodesenvolvimento dos varejistas nacionais;

    – Na agenda constam painéis, debates e palestra sobre a economia brasileira;

    – Mobilizar formadores de opinião, empresários, dirigentes e autoridades públicas para debater temas da política econômica, gestão empresarial e institucional que impactam em nossas empresas e entidades em busca de soluções produtivas.

    – Envolver formadores de opinião – políticos, imprensa, entidades representativas: SEBRAE Nacional, Câmara, Senado, Judiciário, Banco do Brasil, BNDES, Caixa Econômica Federal, Banco do Nordeste do Brasil e UNECS – União Nacional das Entidades de Comércio e Serviços – ABRAS, ABRASEL, ALSHOP, ANAMACO, CACB e ABAD.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!