Logo
  • Projeto de Othelino denomina Hospital de Pinheiro de “Dr Jackson Lago”

    O plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, na
    sessão desta terça-feira (25), em primeiro turno, o Projeto de Lei, de autoria
    do deputado estadual Othelino Neto (PCdoB), que denomina o Hospital Regional de
    Pinheiro de “Dr Jackson Lago”. A proposição vai agora para apreciação
    em segundo turno.
    Segundo Othelino Neto, a inauguração do hospital está prevista
    para o próximo mês de setembro. Para o deputado, trata-se de uma justa
    homenagem a um maranhense que dedicou a sua vida à causa pública, como médico,
    professor da Universidade Federal do Maranhão e também com a sua militância
    política de várias décadas, sendo deputado estadual, prefeito de São Luís por
    três vezes, governador por dois anos e três meses, prestando um excelente
    serviço ao Estado do Maranhão.
    “Doutor Jackson é um homem que ficou na história do Maranhão
    como um exemplo de bom político, sempre coerente com a sua história, com as
    suas posições ideológicas e que pagou muito caro por ter conseguido derrotar um
    esquema de poder muito antigo. Todos nós sabemos da cassação do então governador,
    razão essa de desgosto para boa parte dos maranhenses e em particular para
    ele”, justificou Othelino Neto.
    Na tribuna, Othelino disse ter a convicção de que o sofrimento e
    a decepção pela grande injustiça que foi cometida contra Jackson Lago acabaram
    agravando o problema de saúde já existente nele e, infelizmente, o Maranhão
    acabou perdendo a convivência com o ex-governador. “Neste caso, homenageá-lo,
    dando o nome dele ao Hospital Regional de Pinheiro, faz-se ainda mais justiça,
    afinal de contas, a população daquela cidade sempre tratou o Dr. Jackson com
    muito carinho, dando votações expressivas, fazendo dele o candidato a
    governador mais votado em duas eleições consecutivas, em 2006 e em 2010”,
    disse.
    Othelino lembrou que o ex-governador, pouco antes de ser
    cassado, transferiu para a Prefeitura de Pinheiro o recurso para a construção
    do hospital que só agora está em vias de ser inaugurado. O parlamentar disse
    ainda que a ex-governadora Roseana, em virtude do ex-prefeito Zé Arlindo ser
    adversário, fez questão de retirar o recurso e trazer de volta para o governo
    para, só depois de muitos anos, recomeçar a obra, deixando a população da
    Baixada Maranhense passar mais cinco anos sofrendo sem ter um bom atendimento
    hospitalar na região.
    “Devemos olhar para a história de Dr. Jackson como um exemplo
    para nós que militamos na política do Maranhão. Políticos como ele ficam na
    história pelo lado bom, pelo lado a ser visto como exemplo de quem dedicou uma
    vida à boa causa do Estado”, comentou.
    Segundo Othelino, o ato de denominação do hospital é simbólico e
    a grande homenagem do governo do Maranhão a Jackson Lago é melhorar o sistema
    de saúde pública, fazer com que os hospitais funcionem cada vez melhor e,
    assim, evitar que a população sofra com a falta de atendimento na rede pública
    de saúde do Estado. “Enfim, hoje é um dia em que nós fazemos justiça em razão
    da história de um grande homem, de um grande político da nossa história”,
    afirmou.
    O pronunciamento de Othelino recebeu também apartes dos
    deputados Eduardo Braide (PMN) e Rafael Leitoa (PDT) que elogiaram a iniciativa
    e defenderam a homenagem ao ex-governador.

    0 Comentários

    Deixe o seu comentário!